E´ HOJE DIA DE ALEGRIA - DEPOSITARAM O CRÉDITO DO SUPERAVIT

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011


Sabem da letra daquele samba famoso, "é hoje o dia da alegria, deixa a tristeza prá lá".  Pois apliquem esse ensinamento no dia de hoje, dia 18 de fevereiro, dia do adiantamento do superavit, um dia que demorou pra chegar, que só veio depois de muita luta, que veio chorado e por isso deve ser comemorado com maior alegria.

Sei que muitos estão insatisfeitos. Receberam menos do que esperavam, o imposto de renda comeu uma terça parte, não houve incidência sobre as verbas do BB nem do INSS.  Não importa, vamos cobrar essas diferenças a partir da semana que vem. Vamos nos lembrar daqueles colegas que nada receberam, os excluidos.

De minha parte, permito-me apenas uma sugestão para voces, queridos colegas , aposentados e pensionistas, que me acompanharam nessa jornada, naturalmente respeitando os sentimentos e os pensamentos de cada um, pois quem sou eu, um jovem de setenta e dois anos, para dar conselhos. Talvez daqui alguns anos, com mais experiencia, possa falar alguma coisa sensata para aquela pensionista de ontem de oitenta e sete anos, decepcionada com a resposta que obteve na Previ.

O que gostaria hoje de sugerir é só uma coisa. Leiam, com calma e paciencia, o conhecido provérbio (ou poema?)  sânscrito, bastante divulgado pela internet, mas que me parece cair como uma luva para o dia de hoje.

OLHE PARA ESTE DIA
POIS ELE É A VIDA
A VERDADEIRA VIDA DA VIDA
NO SEU BREVE CURSO SE ENCONTRAM TODAS
AS REALIDADES E VERDADES DA EXISTENCIA

A BEM AVENTURANÇA DO CRESCIMENTO
A GRANDEZA DA AÇÃO
A GLÓRIA DO PODER

POIS ONTEM É APENAS UM SONHO
E AMANHÃ APENAS UMA VISÃO
MAS O HOJE BEM VIVIDO
FAZ DE CADA ONTEM UM SONHO
DE FELICIDADE
E DE AMANHÃ UMA VISÃO DE ESPERANÇA

PORTANTO, OLHE BEM PARA ESTE DIA !

Aproveitem, portanto, este dia ao máximo.  Deixemos as tristezas para segunda feira.

Muita alegria, muito chope e muito bom proveito.

52 comentários:

Hilton Görresen disse...

Amigo Medeiros,

Sei que não se pode reclamar, ainda mais que se trata de um adiantamento. Mas creio que recebi abaixo dos 2/3. Achei que haviam descontado o valor referente à pensão de um filho, mas na conta dele não entrou crédito. Como posso tirar isso a limpo?
Grato

Hilton - Joinville

Anônimo disse...

VIVA A TODOS OS AMIGOS DO BLOG E AO GUERREIRÃO MARCOS CORDEIRO

VAMOS AGORA GASTAR NOSSO DINHEIRO OU QUITAR NOSSAS DÍVIDAS COM MAIS TRANQUILIDADE.


BOA PAZ E UM FELIZ CARNAVAL PARA TODOS......

AGORA E CHOPP E DANÇA HEHEHEHEH

Anônimo disse...

Querido Medeiros, realmente foi um assalto o que descontaram, estava um tanto decepcionada, pois esperei tanto como os demais, com tantas contas e compromissos a pagar, mas com seu ultimo comentario que vamos novamente a luta na semana que vem ja estou renovada, sinto-me ate uma guria, rs.rs.rs...
Somente o senhor mesmo para nos dar esperanças e este otimismo eterno.
Estou com o senhor nesta luta, conte sempre comigo.
Beijos no senhor e na sua esposa.

Norma Cardoso

Anônimo disse...

QUANTO AO DESCONTINHO FEITO NO CREDITO DO NOSSO SUPERAVIT, SO TENHO A DECLARAR O SEGUINTE:

SE GRITAR PEGA LADRAO, NAO FICA UM MEU IRMAO, NAO FICA UM, EHH LADROAGEM BARBARA...!

PARTE DO NOSSO DINHEIRINHO FOI PARA ELES PAGAREM O AUMENTO QUE DERAM LA EM BRASILIA PARA OS DEPUTADOS.

OTIMO FINAL DE SEMANA A TODOS.

OTELMO

Anônimo disse...

APOSENTADOS AUTOPATROCINADOS

Insisto, em defesa de nossos interesses entrem em contato comigo:
cantosi@uaivip.com.br

Nota:
Apesar dos pesares, se você está insatisfeito com o crédito, lembre-se:
Minha vizinha que não conhecia, 38 anos, em acidente de carro em, 14/11/10, ficou tetraplégica, não move um dedo, depende da irmã para tudo, pelo resto da vida. Vamos agradecer a Deus pelo dom da vida, agradecer pelo nosso corpo, dinheiro é bom, mas no fundo tem muitas coisas melhores.
VAMOS PENSAR NISTO!!!
CELSO BERNARDES
FORMIGA-MG

MARCO ANTONIO disse...

Prezadíssimos blogueiros:

1. A respeito de minha indagação acerca da incidência da Instrução Normativa n. 1.127, que reduz o IR incidente sobre o crédito do Superávit, recebi hoje, 18.02, a seguinte resposta da Previ:

a) minha pergunta:

"No cálculo do IR incidente sobre o crédito do superávit, será aplicada a Instrução Normativa n. 1.127 de 07.02.2011, da Receita Federal, que prevê, em caso de pagamento de rendimentos acumulados, cálculos mensais sobre os valores atrasados, e não sobre o total pago de uma só vez?
Isto porque se o imposto de renda for calculados sobre cada uma das 14 parcelas, poderá haver inclusivae isenção daquele tributo, enquanto que se for calculado sobre o montante, a maioria dos associados irá se enquadrar na alíqutota máxima de 27,5%."

b) a resposta da Previ:

"Senhor Marco Antonio,

A aplicação da metodologia prevista na Instrução Normativa RFB nº 1.127, de 07 de fevereiro de 2011 aos benefícios de responsabilidade da PREVI aguarda conclusão de estudos e orientação por parte da Receita Federal e, quando da conclusão, será amplamente divulgado, com a realização de eventuais ajustes no cálculo do imposto de renda retido nos moldes atuais, caso necessário.

Permanecemos à disposição.

ELMA FERNANDES HERINGER LINS
Gerência de Atendimento
PREVI"

2. Para melhor compreensão, transcrevo abaixo meu comentário aqui postado em 15.02.2011, às 21:47 hs.:

"1. Através da Instrução Normativa n. 1.127/2011, de 07.02.2011, publicada no DOE de 08.02.2011, a Receita Federal mudou as regras no que se refere ao imposto de renda incidente sobre rendimentos atrasados recebidos pelo contribuinte em parcela única.

2.Até então, o imposto incidia sobre o total recebido de uma só vez.

3. A partir das novas regras, o IR passou a ser apurado como se os pagamentos tivessem sido pagos nos respectivos meses atrasados.

4. Exemplificando, um cidadão que deixou de receber verbas salariais por dois anos, quando recebesse o montante, pelas regras anteriores, provavelmente se enquadraria na alíquota de 27,5%.

5. Pelas novas normas, o cálculo é feito mês a mês, o que pode implicar em tributação a menor ou até mesmo em isenção, dependendo da faixa em que cada rendimento se enquadrar.

6. A tabela vigente prevê isenção para rendimentos inferiores a R$ 1.499,15, com alíquotas variando, a partir daí, de 7,5% a 27,5%.

7. Se alguém recebesse, por exemplo, R$ 20.000,00 correspondente a 10 parcelas mensais em atraso de R$ 2.000,00 cada, pagaria R$ 4.807,22, pois se enquadraria na alíquota máxima de 27,5%.

8. Pelas novas normas,cada rendimento mensal de R$ 2.000,00 se enquadraria na alíquota de 7,5%, resultando em imposto total a pagar de R$ 375,60. Vejam:

2.000,00 - 1.499,15 (faixa de isenção) = 500,85 (parcela tributável) x 7,5% = 37,56/mês x 10 meses = R$ 375,60 (valor total do IR). A economia seria de R$ 4.431,62(4.807,22 - 375,60).


9. Resta saber se a PREVI irá aplicar as novas normas no pagamento do superávit."

3. Isso nos dá nova esperança de que possa haver substancial redução na mordida do leão.

Marco.

Anônimo disse...

Bravo e nobre Medeiros
É uma honra tê-lo como colega.
Sempre confiei em você.
Há pessoas que só ficam reclamando, lamentando e nada fazem.Você não, pelo contrário, vai à luta, é dinâmico, nos inspira confiança e otimisto.
Portanto, naturalmente é o nosso lider.

Luis Eustáquio - Araxá-MG

Anônimo disse...

Ao Dr.Medeiros, ou a quem puder me esclarecer...

De acordo como diz no site da previ, os 70% de parâmetros sobre a Parcela Previ seria o piso mínimo, ou o teto?
Se for o mínimo a ser pago, então me passaram a perna...Não entendi, vide transcrição abaixo:

Superávit aprovado

A alteração do regulamento do Plano 1 foi aprovada nesta terça-feira, 15/02, pela Superintendência Nacional de Previdência Complementar – Previc, última instância decisória necessária para que os recursos excedentes sejam destinados aos participantes. Os principais benefícios previstos no novo regulamento são a implementação de um Benefício Especial Temporário (BET) correspondente a 20% do Complemento PREVI para aposentados e pensionistas – já considerando como parâmetro 70% da Parcela PREVI observada a proporcionalidade – e a manutenção da suspensão integral das contribuições da patrocinadora e dos participantes por mais três anos consecutivos – já suspensas desde 2007.

Agracederia muito por uma resposta.

Abs.

Janone.

fran disse...

eu ate gostaria, dr medeiros
mas ate agora, 17,19h nao tem um tostaozinho na minha conta. Nem pra remedio, como diria minha avó.
Mas para nao deixar o Sr. sozinho, eles tem mais uma pessoa pra chamar de louca, ja chamavam mesmo, devido as minhas consideraçoes em relaçao ao Banco e suas atitudes. Fiz o meu protesto, solitario,mas em alto e bom som, na agencia de Sao Vicente SP, dando nome, sobrenome e agência onde me aposentei e esclareci para quem quisesse ouvir, sobre o Superavit, o roubo dos aposentados e o lucro do Banco.
Mas como nao morri e nao vou morrer por esperar, aqui estamos
E vamos que vamos.
Francisca Baraldi

Anônimo disse...

Alguma coisa tá errada. Ninguem deixou de receber, a menos que esteja em dívida com o Banco (carim, por exemplo) e ai o Banco reteve pra quitar saldo devedor. As pessoas precisam aprender a ver as coisas. Tem gente abrindo o espelho e procurando o crédito, está é na conta, puxem extrato no terminal. Ninguem ficou sem receber, estive aqui no gabinete do Sasseron na Previ e me disseram que somente alguns casos, gente que tá devendo a previ, é que foi retido o crédito para cobrir.

Anônimo disse...

Oi Fran, falei com o Prates a pouco, o dele só dia 22. Nem vou ver se o meu está lá. Pois vai ser uma merreca não vai fazer diferença mesmo. Pensei que não iriam creditar nada, logo cedo,pois alguns não vão receber mesmo pelo que soube, eu já estava uma vespa, mas depois me disseram que nada constava, só tenho uma pendenga com a CARIM, mas tá lá todo mes deposito em juizo.
Vamos ver quem sabe aparece.
Elisabeth Oste

Anônimo disse...

FRANCISCA NÃO CONSEGUISTE ENTRAR EM CONTACTO COM O GERENTE DE TUA AGÊNCIA ? OU TENTADO LIGAR PARA O 0.800. DA PREVI ? ELES TINHA ME DITO QUE QUEM TEM; COMO EU EMPRESTIMO IMOBILIÁRIO E EMPRESTIMO( NÃO LEMBRO O NOME ) NA PREVI; ELES ESTAVAM SEGURANDO E LIBERARIAM AO FIM DO EXPEDIENTE ; ATÉ DUVIDEI E ACHAVA QUE AMANHÃ DE MANHA TALVEZ MAS AGORA A TARDE FUI NUM TERMINAL E HAVIA O CRÉDITO QUE IMAGINO SER MAIS O MENOS QUE ESPERAVA. NÃO É GRANDE COISA MAS É NOSSO E NINGUÉM TEM O DIREITO DE RETER; MUITO MENOS PREVI ; POR AQUILO QUE DEVO POIS ESTÁ SENDO PAGO NO PRAZO COMBINADO.

SE POR ACASO ESTÁS NUMA DESTA SITUAÇÕES OU ESTÁS EM ATRASO; ELES TALVEZ IRÃO SEGURAR O CRÉDITO; ATÉ NÃO ACHO QUE SEJA JUSTO. MAS ELES É QUEM TEM O PODER; O DINHEIRO ESTÁ NA MÃO DELES.

ESPERO QUE NESTA HORA JÁ TENHAS TENTANDO VER NOVAMENTE E QUEM SABE O DINHEIRO ESTA LÁ. ESPERO QUE ASSIM SEJA ; PORQUE SE TENS DIREITO É TEU; UM ABRAÇÃO E MUITA SAÚDE.

AQUI HELENO P. NOBRE ; 3984740-3;
JAMAIS ANÔNIMO.

raul avellar disse...

Dr. Medeiros

Depois de finalmente termos conseguido esta primeira vitória,
penso que devamos manter aquela união que foi solidificada durante o "peladaço", para enfrentar a guerra que ainda está por vir.
Parabens a todos que participaram
deste episódio.
Raul Avellar

ernandez2008 disse...

É não tenho que reclamar. Fiz as minhas cintas e quando fui conferir o valor creditado me surpreendi. Veio R$700,00 a mais do que eu esperava. Foi uma beleza.

Vamos ver agora é os acertos que vem na folha de março. Tomara que não venham me cobrar de volta.

Anônimo disse...

Gostaria de avisar que os textos do seu blog não estão abrindo corretamente.
Consegui entrar aqui insistindo.
Peço verificar o que está ocorrendo pq eu quero ficar bem informada.
Obrigada

edsomn@gmail.com disse...

Dr. Medeiros agora é esperar o contra cheque de março para agente entender melhor os valores e os descontos, muitos colegas estão em dúvida.

Um bom fim de semana

edson rj

José Dantas - Manaus disse...

Não há razão para que alguém não tenha recebido a parte do superávit, exceto por três condições: a) a pessoa está com problemas na identificação da conta, ou agência. Ocorre com as novas pensionistas, na transição da conta do aposentado para a conta da pensionista; b) A pessoa tem dívidas com a CARIM e seu espelho não comporta mais débitos e ai a Previ reteve para fazer os acertos. c)A pessoa tem outras dívidas que zeram seu espelho e a Previ reteve para si.
Quanto ao balanço do Banco, o Dr Medeiros, expert em contabilidade, poderia explicar para a turma que o Banco não levou dinheiro nenhum da Previ, pois a contabilização de parte do superávit está em “direitos atuariais” que somente se realizam ao fim, quando a Previ pagar o último benefício ou pensão. Isso está previsto na Instrução CVM 600, na Lei 108 e na Lei 109. Dinheiro mesmo, limpo, o BB levou antes de existirem essas leis, em 1997, quando levou para si mais de cinco bilhões. Procurem estudar Atuária. É uma ciência.

ANTONIO AMERICANO DO BRASIL BORGES disse...

Prezado Dr. Mwedeiros
Enviei um pequeno video amador usando as fotos e a música do panelaço.
Enviei para o seu email que foi publicado em artigo do dia 04/02, jbmmedeiros@terra.com.br.
Gostaria que enviasse sua opinião, e se posso divulgar referido trabalho.
Obrigado
ANTONIO AMERICANO

Anônimo disse...

Bom dia Dr. Medeiros. Como o problema do superávit já foi resolvido, sei que as postagens vão diminuir (inclusive as minhas rs). Mas sei que, como todos seus seguidores, não vamos esquecer do que fez. E seremos sempre agradecidos, postando aqui ou não. Porém estarei sempre acompanhando, lendo seus escritos.
Mais uma vez, um bom dia pro Sr. e toda sua família e muito obrigada.

Toninho Bleinroth disse...

Prezado Medeiros,

Num país tão grande como o nosso, com a dificuldade de integração com todos os colegas aposentados, já que a maioria não entende de informática (não dominam o acesso a internet), e além de que a imprensa nem sempre se expressa de forma correta, ous as vezes é manipulada, seria necessário :
1 - Utilizar os colegas mais esclarecidos, para contatar com os aposentados de sua cidade ou bairro;
2 - Informar, o que realmente ocorre nos últimos 10 ou 20 anos com a Previ (déficit/superávit), planos e demais assuntos;
3 - Identificar qual é realmente a posição do Superávit (quais anos, e valores corretos) já que nos últimos anos houve dezenas de informações desencontradas;
4 - Preparar um grupo de trabalho, unindo colegas de todo Brasil (que entendam do assunto), para analisar novas propostas para apresentar negociação junto a Previ.
Estou plenamente de acordo com o colega Antonio Barreto, tem que haver mais esclarecimentos para que tenhamos que passar novamente por situação semelhante.
OBRIGADO POR TUDO QUE TENS FEITO AOS MENOS AFORTUNADOS...
QUE "DEUS" O ABENÇOE.

Anônimo disse...

Janone,

Posso perguntar qual é o seu P300?

Abs

Anônimo disse...

Ao
Anônimo das 21:00hs(dia 19)

Em resposta:

Meu P300 é R$ 3.728,98.

Tens alguma elucidação para minha dúvida?

Abs.
Janone

Camila Baraldi disse...

Aos colegas
Elisabete e Heleno,
meu credito foi feito por volta das 19,00 horas.
Nao tenho nenhuma pendencia com a Previ e se nao fizessem na sexta feira eu certamente tomaria providencias. Adoro o Rio de Janeiro.
O meu problema com Banco do Brasil e agora Previ, talvez seja a boca mesmo. Nao consigo ver essas coisas e ficar calada. Mas tudo bem, vamos que vamos, ne Doutor?
Foi uma merreca, nem precisei sacar, paguei as contas e pronto, acabou.
Aqui, Francisca Baraldi a gritona, desculpe a imitaçao Heleno, mas acho o maximo.
Abraços a todos e obrigada pela preocupaçao.

Anônimo disse...

Prezado Dr.Medeiros, sou filho de uma pensionista, sra.Suelly, com 84 anos, infelizmente se encontra adoentada, mas eu fiz questao de falar sobre a sua pessoa para ela.
Primeiramente quero dar parabens ao senhor por se colocar ao lado de todas as pensionistas, defendendo com isto, nao so elas, mas suas familias e isto inclui tambem a mim neste momento.
Admiro sua coragem e determinaçäo, as vezes podemos errar em alguma previsao ou informaçao, mas o mais importante é sempre tentar acertar, nao perder as esperanças e nem o otimismo e o senhor provou seu carater digno e fez o que muitos nao acreditavam, merece nosso respeito e gratidao, foi sim um heroi.
O heroismo esta no coraçao daqueles que fazem a diferença, o senhor e aqueles que o acompanharam fizeram esta diferença.
Com o pouco que acompanho este episodio do superavit, ja deu para concluir que é chegada a hora de mudanças radicais, porque ELES ja apossaram-se de metade do superavit, o governo ja confiscou o maximo de imposto, a Cassi tambem ja levou uma gorjetinha e ainda por cima voces participantes receberäo parcelas em conta gotas, nao é um pouco exploraçao demais??
Desculpe a franqueza senhor Medeiros, mas nestes 5 ou 6 anos que a Previ vai pagar as parcelas quantos participantes infelizmente podem falecer? A vida segue, nao é? O relógio do tempo é implacavel, nao para...
Que pouca vergonha este acordo firmado desta maneira, tratando-se de pessoas idosas, como minha mäe, esposa de meu saudoso pai, que dedicou-se ao maximo pelo Banco do Brasil e o Banco foi sempre sua vida ate o fim, tinha orgulho de ser um aposentado do banco, defendeu o nome do Banco sempre!!
Como pensionista, minha mäe, merecia mais atençao e respeito no fim de sua vida.
Sem falar que todas as pensionistas mereciam uma pensao real por inteiro e nao da forma que pagam atualmente, outra grande vergonha senhor Medeiros, justiça seja feita nestas novas negociaçoes que viräo.
Desejo ao senhor e aos seus colegas de blog, muita saude, paz e prosperidade, mas sobretudo força para lutar contra todas as injustiças.
Deus, Patria e Familia!!

D.K.A 42 anos

jeanne disse...

Medeiros, minha dúvida é se vai alterar a margem consignável com os 20%.Você tem alguma idéia?Jeanne

Anônimo disse...

MEDEIROS
PRIMEIRO, NOTA 10 PELAS ILUSTRAÇÕES.
Quero fazer um alerta aos nossos colegas: O Banco do Brasil, tem aqui em minha cidade,o trofeu de pior atendimento dentro os 8 bancos aqui existente.Ontem, como sempre, enfrentei mais uma fila para pegar senha e novamente enfrentar outra fila.Presenciei calado, várias pessoas que perto de mim rebaixavão ao chão o nome do BANCO. Me contive para não fazer coro a estas pessoas. Enfim, este é o trágico fim que o grande sindicalista e outrora defensor dos trabalhadores nos deu.
CHACAL.

Anônimo disse...

MEDEIROS
A propósito, você não me retornou para confirmar se recebeu ou não os CDs de minhas músicas que lhe enviei.Talvez não tenhas gostado.
abraços.
CHACAL
São João del Rei-MG

Anônimo disse...

MEDEIROS
Nunca fui sindicalista.
,mas comandei todas as greve na minha cidade, pois me coloco a disposisção desra chapa para enfrentar essa MAFIA que se apodeirou dedro das nossas associacões - ANabb- e outras mais.
um abraço a todos
Em tempo... Procure saber quem eu sou.
CHACAL.
Saõ joão del Rei-Mg



Um abração a todos

Edison Roque disse...

Só para dizer que ainda estou por aqui. Bom domingo para todos.

Anônimo disse...

Uma pergunta ao Dr. Medeiros.
Dr. pelas minhas contas o meu crédito veio com um desconto de $2.750,00 ja computando os 3,5% da cassi e eu sou isento de imposto de renda a 15 anos por saúde médica. Oque deve ser este desconto ? Agradeço desde já sua atenção.

Adolpho.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Inicialmente agradeço o apego, energia e denôdo que V.Exa. mostrou ao abraçar a causa dos aposentados e pensionistas do BB.
Foi uma vitória sua e nossa. Já que o estandarte da luta que você empunhou está erguido, não vamos baixá-lo, vamos continuar a luta. Eu particularmente como recebo pouco:R$1.541,40, 20% disso menos IR E CASSI não representa grande coisa. Mas sou um aliado na luta.

Raimundo N. Oliveira

antonio americano do brasil borges disse...

Dr. Medeiros,
Aguardo resposta ao meu email sobre o vídeo amador que fiz sobre o panelaço e que enviei para seu email que foi divulgado no Blog.
Abraços
Antonio Americano

Anônimo disse...

Caro Janone,

S/ msg de 23:55.
Esse item do Acordo diz respeito a quem recebe menos do que 70% da PP, ou seja, menos do que 1377,63.

Abs

Anônimo disse...

Caros colegas cabeças-brancas,
O crédito relativo ao ACORDO ARAPUCA não resolve nada. Tem muita coisa para acontecer, e, desta forma, não é possível haver desmobilização. Temos que continuar postando sim, acompanhando a evolução daquilo que foi acordado, e EVITAR QUE AQUELA CORJA continue a dominar a PREVI. SEMPRE ALERTAS POIS A VITÓRIA FOI APENAS PARCIAL. O que estão querendo tirar de todos nós é muito mais preocupante.

Anônimo disse...

Medeiros e colegas.

Vamos assinar a Petição Pública elaborado pelo seu conterrâneo Luiz Dalton. É o nosso futuro que está em jogo. Temos que acreditar na Justiça deste País. Já subscreveram mais de 3.300 colegas. VAMOS ASSINAR. "www.petiçãopublica.com.br"

Anônimo disse...

VAMOS LA COLEGA MEDEIROS, SEGUNDA FEIRA, JA ACABOU AS FERIAS, JA SECAMOS O BARRIL DE CHOPE, VAMOS VER O QUE ELES NOS MORDERAM NESTE CREDITO DO SUPERAVIT, VAMOS COMEÇAR A FAZER AS CONTAS, COMO FORAM OS CALCULOS QUE PREVI FEZ PARA OS DEPOSITOS, ADIANTOU QUAL PORCENTAGEM?
VAMOS TRABALHAR, PORQUE ESTE CREDITO VEIO COMO UMA BOA MORDIDA.
VAMOS VOLTAR A LUTA MEDEIROS!

ABRAÇO OTAVIO CORREA

Anônimo disse...

Acho que já está na hora de iniciar a cobrança pelo cumprimento do memorando compromisso.

CÓDIGOS PRÁ TODOS OS GOSTOS, disse...

Agora que a Previ extinguiu as verbas P380 e P390, visto que estes benefícios Especiais de "Remuneração" e de "Proporcionalidade" foram definitivamentes incorporados à Verba P300-Previ Beneficios,e criou e iniciou os pagamentos dos "Beneficios Especiais Temporários",em nossa Fopag, com a sigla "BET", bem que poderiam numerar a Verba como "VERBA P320", pois trata-se dos 20% de reajustes concedidos por conta da reserva
especial (superavit)...

Já existem P340 (13º salário)
P374 (auxilio-alimentação)
P371 )"renda certa"quase acertaram, pois deveria ser "Verba P171" (famoso artigo do código penal para tipificar as falcatruas )
Aguardamos até 20 de março para sabermos qual número criaram...

rgp de Cambé-PR disse...

Dr.Medeiros, fico muito agradecido pelo empenho seu, em recebimento do Superavit, pois a nossa classe de aposentados e pensionistas, além de solitaria e desunida, nao tem força nenhuma. Vamos continuar postando mensagens em seu grandioso Blog, nos atualisando e pondo em pratica atualizaçoes. mais uma ves, muito agradecido pela sua ajuda, e que Deus o ilumine. aposentado de Cambé-PR, rgp.

Anônimo disse...

Importante também lutarmos pelos 360/360 ou 30/30 avos, que é o reajuste da memória de cálculo do benefício inicial
Celso Bernardes

Anônimo disse...

R$ 1377,63 é o novo minimo para todos os aprticipantes do Plano 1, independente de qualquer coisa?


DUVIDA CRUEEEEEEEL

Anônimo disse...

Alguem pode explicar o Beneficio Minimo Temporário, ou seja a nov aPArcela PRevi?
PQ no acordo consta que seria 70% da PArcela Previ ou seja 1.300 e poucos,a crescidos de 20% que totaliza 1.600 e poucos reias.
Foi abseado nisso que votei no SIM, e se isso não se concretizar, em sin to enganadoe ultrahado pela PREVI.

Anônimo disse...

TÁ NO BLOG DA CECÍLIA GARCEZ!!
"Angela disse...
Tenho muita antipatia quando leio gente pixando a ANABB. Acho que é por puro despeito, pois qualquer um desses blogueiros que existem por ai gostaria de ser diretor da ANABB e poder comandar recursos de mais de um milhão de reais. Sabe-se que a arrecadação da ANABB em mensalidade é de mais de um milhão. Essa turma não tem cacife para ganhar uma eleição na ANABB e fica ai tipo a raposa e as uvas... Você se lembra? Sem conseguir alcançar o cacho de uva na parreira a raposa desdenhava “as uvas estão verdes”. Essa turma é hipócrita. Fica falando também “Fora chapa 3 da Previ”, quando o que queriam mesmo é vencer uma eleição na Previ, ser diretor lá para ganhar a fábula que recebe um diretor, dizem que é mais de 60 mil por mês entre salário, participação em conselhos, ajudas de custo, etc. Tudo falsidade, gente mesquinha que se tivesse lá na Previ não faria melhor e somente ataca a ANABB porque não consegue vencer uma eleição lá. Eu jamais me lançaria candidata nem à Previ e nem à ANABB, acho que dirigir essas entidades precisa muito tempo disponível e muito saco para agüentar os despeitados.

21 de fevereiro de 2011 11:01"

Anônimo disse...

DISTRIBUIÇÃO DO SUPERÁVIT 2011.

PROPOSTAS RELEVANTES

MEMORANDO DE INTENÇÕES


No momento em que se estabelecerem as novas discussões com relação ao "memorando de intenções" peço que nossos representantes insira a proposta das pensionistas e a defenda com unhas e dentes.

Não podemos levar mais esta aberração que sempre assolou e arrochou aquelas guerreiras que sempre estiveram ao nosso lado seja nos momentos de alegria ou de desespero. São elas que irão segurar o batente após nossa passagem para o outro lado.

E com um salário pfio, pobre, defasado e sem um reajuste moral há décadas por culpa de nossos governantes e dirigentes, ainda sofrem um BRUTO DESCONTO DE 40% DO SALÁRIO que o aposentado deixou em vida, e o que é pior, contribuiu com 100% dele para a cassi e previ.

Sem contar que do BAGAÇO DA LARANJA ainda há débitos de cassi, previ, imposto de renda e empréstimos simples, na maioria dos casos.

Exemplo: aposentado com salário bruto em vida de :

R$ 3000,00. Pensionista receberá R$ 1.800,00

R$ 4000,00. Pensionista receberá R$ 2.400,00

R$ 5000,00. Pensionista receberá
3.000,00

R$ 6000,00. Pensionista receberá
4.200,00 e por aí vai

Notem que o desconto que o regulamento medíocre determina é um verdadeiro abuso e uma afronta inconstitucional ao salário do nossos aposentados.

Da sobra ainda terão que quitar dívidas, advogados meeiros, inventário, taxas do imposto de transmissão meeiro, taxas cartorárias meeiras e outras infindáveis brasil afora.

E ainda, em certos casos, custear despesas com filhos com deficiência e despesas com a própria saúde.

TENHO CERTEZA QUE ALGUNS DE NÓS SÃO ABSOLUTAMENTE CONTRA A ESSA PROPOSTA COMO TAMBÉM SAO CONTRA A QUALQUER COISA OU ATÉ MESMO A PRÓPRIA EXISTÊNCIA DE SI NA TERRA.

Mas a maioria que realmente ama sua guerreira é a favor dessa proposta como também são a favor que suas esposas e filhos tenham uma qualidade de vida melhor e uma paz tranquila em suas vidas.

Gauchão e nosso guerreiro Marcos Cordeiro sugiro que vocês postem em seus blogs um comentário em defesa dessa proposta que é tão bela e importante para nossas família logo após nossa passagem para a outra vida.

Belas essas que há anos nos acompanham em nossa lutas e batalhas em prol de uma vida melhor e uma aposentadoaria tranquila.


ALBERTO - BRASÍLIA(DF)

PENSIONISTAS 80% JÁ UMA QUESTÃO DE MORAL, RESPONSABILIDADE, REPARAÇÃO,DIREITO, MUITO RESPEITO E JUSTIÇA

Amém nosso feliz superávit

A H O R A É A G O R A

Anônimo disse...

ACORDA MEDEIROS !! O QUE HOUVE QUE TE CALARAM?? PRECISAMOS CONTINUAR A MOBILIZAÇÃO. O QUE TÁ ACONTECENDO?

Anônimo disse...

Códigos para todos os gostos,

A sua observação (P371-P171) foi genial! ahahahahahahahahahahahahah

caschi disse...

Tenho uma dúvida quanto ao IR sobre superavit. Em uma empresa o sócio não paga IR sobre o lucro, pois a empresa já paga os impostos. O superavit da PREVI não é um lucro e a PREVI já não paga os impostos, principalmente das rendas acionárias, descontadas na fonte? Não estará aí uma bi-tributação? Alguém, expert nessa área, poderia esclarecer para saber se não cabe uma ação?

Carlos Antônio Schierholt
caschi@ymail.com

Anônimo disse...

A nossa luta agora é pela abertura de negociação para melhoria dos benefícios, em cumprimento às disposições do tal acordo (memorando de intenções).

Anônimo disse...

A recem hoje amigo de fé Medeiros consegui baixar os braços do assalto que fizeram no meu credito do superavit, estava feliz que ia receber um valor que me possibilitaria pagar todas as minha dividas e finalmente conseguir a minha encantada viagem para ver meu neto no nordeste, mas quando dia 18 vi o meu credito nao acreditei, faltava R$6400,00 pelas contas que fiz, enfim nem com o recebimento do credito conseguimos aquela paz que almejamos.
Todos querem dar uma mordida no que recebemos, ate o gerente pessoal da minha conta telefonou perguntando se eu nao queria aplicar o valor, imagine!!
Aplicar o que?? Deve ser mesmo piada.
Recebemos literalmente quase nada com os descontos.
Vamos a luta novamente, um abraço fraterno amigo Medeiros.

Meire Oliveira

raul avellar disse...

Dr. Medeiros
Para facilitar as negocoações que estão por vir, penso que seria útil
sabermos de antemão as seguintes respostas:
a) qual será o montante do
superavit a ser distribuído?
b) qual seria o valor nexessário
para a implementação do chamado
30/30 que seria o pagamento a
quem contribuiu por mais de 30
anos, quer na ativa ou aposen-
tado, até porque os pós-97 já
obtiveram este direito (benefí-
cio de proporcionalidade) de
forma definitiva?
c) qual seria o montante necessário
para a implementação do que se
convencionou chamar de 360/360,
que seria a devolução das con-
tribuições que ultrapassaram as
360 necessárias à comstituição
do Fundo - segundo a própria
Previ - o que ocorreu a partir
de abril de 1997, descontando-
se o que já foi pago pela Renda
Certa, que se tornaria um adian=
mento sobre ele,desfazendo-se,
assim, a injustiça que foi feita
d) quanto custaria a elevação daS
pensões de 60% para 80%m, ou até
mesmo para 100%, se isso fosse
implementado para as pensionis-
tas?
e) em quanto montaria o custo para
a Previ se fosse abolida a tão
odiosa parcela previ que tanto
prejudica os aposentados pós-97
Penso que se pudesse saber com
antecedêmcia estas questõrs seria
bem mais fácil chegar-se a um acordo na mesa das negociações do
Memorando de Entendimentos.
Quem se habilita? Eu ficaria muito
grato a quem pudessa me esclarecer
estas questões e acredito que todos também ficariam!
Raul Avellar

raul avellar disse...

Dr. Medeiros
A propósito do apelo do nosso colega Alberto, lá de Brasília,
eu gostaria de tecer algumas considerações que julgo oportunas a respeito desse problema que ronda
nossas pensionistas da Previ:
Salvo engano meu, pois lá se vão quase 50 anos, a pensão de 60% dos
proventos do titular foi instituída
em 1967, quando da refundação da Previ,e, na época, foi um grande avanço, pois então as pensões eram
fixas, iguais pata todas as viuvas,
independente do cargo ou letra do
titular e eram muito baixas.
Esse foi um dos atrativos para os que já tinham aposentadoria certa e garantida pelos Estatutos do Banco de 1947 aderissem à nova Previ. Os outros eram os Empréstimos Imobiliários , etc,
Agora, porém, os tempos já são outros. As viúvas dos militares já
ganharam pensão integral desde 1997
O INSS já paga pensão integral às suas assistidas (inclusive às do Banco) já há algum tempo, Viúvas dos funcionários públicos federais
também dispõem de pensões integrais
Não sei das estaduais e municipais,
pode-se averiguar isso. A verdade é
que agora as necessidades para a
manutenção das famílias são dife-
rentes das de 1967. Portanto, não é
nenhum privilégio corporativo se
estender às nossas viúvas a inte=
gralidade das pensões, Pode ser até
feito em etapas, mas pode e deve ser feito,
Só gostaria de alertar para um fato
uma coisa é a pensão, outra é a pensionista. Acho que a pensão deve ser integral, mas se ela for dividida entre mais de uma viúva e
entre filhos de diversos casamentos
aí não poderá haver integralidade para todos, seria impensável.
Raul Avellar

Anônimo disse...

Meu heroi Medeiros, estarei sempre ao seu lado, nunca abandonarei o seu blog enquanto estiver viva.
Continue defendendo nossos ideais, faça justiça e seja esta Luz a brilhar ante as trevas.

Albertina Siqueira 78 anos

pensionista