ASSOMBRAÇÃO DE MAIO - MAS QUE HORROR !

domingo, 15 de maio de 2011

Falaram de "sombras de maio".  Mas que sombras, que nada !

O que houve foi um ASSOMBRO !  Uma assombração em maio !

Não, não me refiro à vitória do Inter sobre o Gremio, que ninguém esperava, em pleno Olímpico.

Na realidade, a PROPOSTA INDECENTE e ESCANDALOSA DO BB´é que se constituiu numa verdadeira ASSOMBRAÇÃO.

Em vez de cumprir sua parte no acordo formal assinado em novembro do ano passado e apresentar propostas justas de realinhamento dos benefícios, o BB veio batalhar em causa própria, com a maior cara de pau,  colocando na mesa benesses, inimagináveis outrora, para seus diretores e altos executivos, detentores dos maiores salários. Uma verdadeira afronta aos sentimentos do funcionalismo do banco, que amarga uma disparidade imensa de ordem salarial.

Após se apropriar de metade do superavit com o aval de um plebiscito que acusou votos de oitenta por cento a seu favor, o BB acha que pode avançar ainda mais.

O mes de maio, mes de meu aniversário, mes de Nossa Senhora Auxiliadora, mes das noivas e das mães, não merecia essa nódoa, essa mancha escura, a lançar sombras negras em seu esplendor.

Proposta indecente e imoral essa do BB, que traz em seu bojo o perigo de ressuscitar o capítulo , um tanto esquecido, dos escândalos dos fundos de pensão.

Não tenham dúvidas, essa insanidade dos dirigentes do BB vai render prato cheio para a imprensa, para os políticos e para a sociedade.  Vamos pagar caro por isso.

Esse delírio salarial só pode ter lugar na iniciativa privada - e olhe lá - jamais em um fundo de pensão estatal, que deve primar pelo equilíbrio e não pode ostentar tanta disparidade na concessão de seus benefícios.

Não é possível ficar inerte nesta hora.  Consentir com essa barbaridade é demonstrar que não temos vergonha na cara, que somos uma massa omissa e indigna.

No meu tempo de conselheiro fiscal na Previ dediquei especial atenção ao quadro de benefícios. Naquela época a Previ divulgava o maior e o menor benefício, além da média.  Hoje não, só divulga a média.  Perguntei em Camboriu para os diretores eleitos qual era atualmente o maior benefício e eles não me responderam, ignoraram a pergunta e passaram adiante.

No meu tempo não existia benefício acima de vinte mil reais. Saí em maio de 2006. Hoje se fala que existem benefícios acima de quarenta mil reais e agora querem de oitenta mil reais.  Uma loucura , uma insânia, um insulto.

REAJAM, COLEGAS.  Demonstrem sua indignação e sua revolta contra esse escárnio.  Não me deixem sozinho nessa jornada, como foi por ocasião do peladaço, que só teve 22 seguidores comigo no Rio, heróicos seguidores, sim, mas poucos.

Vou abordar no protesto judicial também essa questão dos altos benefícios de que desejam se apropriar junto com o superavit.  Estive em São Paulo quinta e sexta feira, pesquisando e consultando importantes juristas a respeito do superavit. Creio que fui muito bem sucedido. A minha petição vai melhorar muito. Portanto, não fique de fora do protesto judicial. Ele, mais do que nunca, é necessário.

Reaja contra essa proposta indecente. Fique em paz com sua consciencia. Custa tão pouco. Proteste. Envie sua procuração urgente. Não precisa reconhecer a firma. O modelo está disponível no site da AFABB - RS.  Mostre que voce não compactua com esse escândalo.

DELENDA CARTHAGO - PROTESTE CONTRA ESSA PROPOSTA INDECENTE DE PISO DE OITENTA MIL REAIS - PROTESTE CONTRA OS AVANÇOS INDEVIDOS DO BB

33 comentários:

caos e ordem disse...

Olá Medeirão, fico admirado acompanhando seu esforço, luta e trabalho, viajando, participando de reuniões, fazendo tanta coisa. Deus te proteja, que vc. continue com saúde e disposição para fazer tudo o que faz.

toninho.bleinroth disse...

Bravo Guerrreiro Medeiros,
Estarei remetendo na proxima semana minha procuração. Não vamos nos esmorecer, contamos contigo.....abração

Anônimo disse...

Dr. Medeiors, Durante meu periodo na ativa, percebi muitos funcionarios idosos, especialmente administradores, sendo pressionados a se aposentarem antes de completar os 360 meses. Quem nao se lembra? Agora os diretores atuais querem distinguir para melhor aqueles que completaram na ativa tal periodo. A contribuicao destes tem mais valor daqueles que pagam ate hoje? Querem fazer panelinhas? Olho neles. Saude Mario

Anônimo disse...

Pelo que entendi essa história dos altos beneficios não são para negociar não. É coisa que o Banco quer implantar na marra, dentro do deliberativo onde tem voto de minerva. Saiu na reunião não para ser discutido,mas para mostrar o quanto que o Banco está desaforado.

raul avellar disse...

Dr. Medeiros

É de se realçar que as contribuições que irão proporcionar
estas aposentadorias absurdas não custarão nada aos beneficiados, uma
vez que serão pagas por nós outros,
através os superávits.
Se a moda pegar, daqui para a frente - em regime de revesamento -
todos se aposentarão como Chefes de
Departamento, o que causaria sério
desequilíbrio no nosso PB1, porque
os atuais "manda-chuvas" tem mais
de 14 anos de Banco, quer dizer,
ainda são remanescentes do PB1.
Solicitando a publicação deste, como alerta para todos, um abraço
do remanescente do "peladaço"
Raul Avellar.

Mozart G. Braga disse...

Parabéns Medeiros, você colocou o dedo na ferida.É mais uma tentativa de assalto aos cofres da Previ. Não bastou a renda certa querem criar marajás sem o mínimo constrangimento. Periga até matarem a nossa galinha. Temos que reagir,enérgica e urgentemente, ao invés de ficar com baboseiras e agressões, como preferem alguns.

Pensionista sem voz... disse...

Dr.Medeiros,

Acho que já passou da hora de atacarmos o banco no que ele tem de mais valioso: sua imagem. Temos que denunciar a revistas, TVs, jornais e distribuir panfletos nas agências do BB relatando o que o banco vem fazendo conosco. Essa história dos 81 mil reais foi a gota d´água. Quer dizer que o Banco não aceita nenhuma proposta que beneficiaria quem ganha bem abaixo da média anunciada (os tais 5 mil reais), mas é a favor que se triplique o salário de executivos que ganham - coitados - a miséria de 27 mil reais? Um aumento de benefício pra muitos que não representaria em muitos casos (como no das pensionistas) nem 2 mil reais não pode, mas um aumento de 50 mil pra poucos pode... só porque os beneficiados seriam os companheiros sindicalistas e apadrinhados do PT. É isso mesmo?

Se isso for aprovado, acredito que será um caso único no mundo. "Executivos" foram, são e serão contratados (quando não indicados politicamente) não pelo que irão receber no presente, mas pelo que receberão quando se aposentarem, um benefício três vezes maior do que recebiam de salário quando na ativa. E o pior: bancado não pela empresa que os contrataram, mas pelo fundo de pensão de seus funcionários, que diz não ter dinheiro pra melhorar o benefício de seus verdadeiros donos, os aposentados e pensionistas do Banco do Brasil, mas terá pra pagar os benefícios ultrajantes desses novos marajás.

A imprensa tem que saber disso. Se não se interessar pelo assunto, a FAAB, AFABB - RS ou a AAPREVI bem que poderiam tentar patrocinar uma campanha publicitária relatando não só isso, mas todas as barbaridades a que estamos sendo submetidos. Garanto que muitos de nós ajudaríamos com os custos dessa campanha.

(continua)

Pensionista sem voz... disse...

(continuando)

O caso dos 80 mil reais, lógico, não poderia ficar de fora. Além disso, a campanha poderia informar que se não fosse pelos seus aposentados (a Previ), o banco não teria apresentado o lucro recorde do ano passado. Muito pelo contrário, estaria às portas do FGC (aquele mesmo fundo onde foi parar o Sílvio Santos, com a diferença de que pedindo uma importância muito menor do que o BB estaria pedidno hoje) e seus dirigentes processados por fraude contábil, por lançarem valores entre 7,5 e 14 bilhões que não pertencem ao Banco do Brasil.

Poderia também alertar aos participantes da Brasilprev (menina dos olhos do banco) que o que está acontecendo conosco hoje poderá acontecer com eles no futuro. Alguns poderão considerar absurda a comparação com a Brasilprev, assim como achavam impossível que um dia o Banco do Brasil se tornaria um dos beneficiários da Previ. Lembrem-se, estamos no Brasil, onde não há limites para a criatividade dos nossos políticos. Tais "mentes brilhantes" acolhem qualquer absurdo. Pra eles tudo é possível, como foi possível fazer com que qualquer quantia necessária pra melhoria nos nossos benefícios tivesse que ser dividida com o Banco do Brasil.

Por último, pra ser uma coisa ainda mais abrangente, a campanha poderia comparar o que o Banco tenta nos impor usando o exemplo do FGTS, alertando que num futuro próximo, se a coisa virar moda, todos os trabalhadores correrão o risco de dividir seus FGTS com as empresas onde trabalharam (a "teoria do absurdo" exposta acima vale também aqui).

Chega de negociações infrutíferas. Chega de ficarmos pedindo esmolas sobre um direito e uma quantia que nos pertence. Vamos atacar o Banco na sua imagem. Foi a única coisa que não tentamos até agora. Talvez dê certo.

Se não funcionar ou se envolver valores muito altos a realização de uma campanha publicitária, apelemos à Convenção Americana sobre Direitos Humanos da OEA. Se até os bandidos do mensalão apelaram, alegando cerceamento de defesa, nós, aposentados e pensionistas do BB, temos todo o direito de fazer o mesmo, com a diferença de ser por uma causa justa, grave e que fere, aí sim, não só os direitos humanos, mas os direitos de milhares de IDOSOS (sagrados em qualquer país respeitável) de um Fundo de Pensão que diz ser um dos maiores do mundo. Imaginem o Banco, o Governo e a Previ sendo chamados às favas pela OEA. Pra imagem dos três seria uma maravilha. Pras ações do banco nem se fala...

HELENO PINTO NOBRE disse...

EU NÃO ENTENDO QUE ESTÓRIA É ESTA DE 80.000 QUE ESTÃO FALANDO. SERÁ QUE ALGUEM PODERIA ME EXPLICAR ?

VEJO OS COLEGAS FALAREM MAS NÃO LI NADA A RESPEITO.
POR FAVOR ME FALEM ALGUMA COISA O BB QUER DAR PARA QUEM ? QUANTOS SÃO ? E POR QUE MOTIVO ? É ALGO INADIMISSÍVEL. QUE PALHAÇADA É ESTA ? ONDE FOI VENTILADO ESTA PROPOSTA ? NA REUNIÃO DO DIA 11/05/2011 ?

NEM CONSIGO ENTENDER QUEM ESTARIA PROPONDO QUE ALGUUM DE SEUS FUNCIONÁRIOS POSSA ESTAR SENDO PRIVILEGIADO COM TAL ATITUDE .!

EU COMO SOU UM REALISTA E VEJO COMO A SITUAÇÃO ESTÁ SE ENCAMINHANDO E NÃO ESPERAVA QUE ELES FOSSEM DAR ALGUMA COISA PARA A "RALÉ" .

ACHO QUE NINGUÉM IRÁ FAZER PROTESTO EM LUGAR NENHUM; PORQUE ALÉM DE NÃO SEREM MUI-TOS OS QUE ESTÃO REVOLTADOS E QUE NÃO DEMOSTRAM SEU DESCONTENTAMENTO; DANDO A ENTENDER QUE ESTÃO SATISFEITOS COM O QUE O BB/PREVI ESTÃO FAZENDO.

EU JÁ JOGUEI A TOALHA. A JUSTIÇA NO BRASIL SABEMOS QUE NÃO AGE E ESTÁ DEVIDAMENTE AMORDAÇADA OU ATÉ ANESTESIADA OU MUITO BEM VICIADA. NINGUÉM TEM MAIS VERGONHA NA CARA.

SINCERAMENTE ; NÃO ESPEREM NADA; EU NÃO ESPERO MAIS.
MEU PENSAMENTO É QUE NEM EM

500 ANOS ESSE PAIS SEJA DECENTE. PORTANTO CADA UM SE DEFENDA COMO PUDER. NO MOMENTO NADA VAI MUDAR COM O TIPO DE GOVERNO QUE ESTÁ AHI NO PODER.

QUEM SABE DAQUI HÁ 500 ANOS. NEM SEI SE HAVERÁ MUNDO PARA VIVERMOS; DA MANEIRA COMO ESTAMOS DESTRUINDO A TERRA.

ESTA É MINHA OPINIÃO SINCERA.
HPN. MATRIC. 3.984.740-3; VOU MORRER ETERNAMENTE REVOLTADO; E NÃO FALTA MUITO JÁ TENHO;60 ANOS; DIABÉTICO ; TOTALMENTE INJURIADO. MAS FAZER O QUE ? OS PODEROSOS NÃO RESPEITAM NINGUÉM . NEM RESPEITARÃO.

PARABÉNS AO COLEGA MEDEIROS; SEU TIME GANHOU NA CASA DO ADVERSÁRIO. FALTOU COMPETENCIA PARA COBRAR OS PENALTIS. FAZER O QUE ? É SEMPRE ASSIM O VENTO QUE BATE AQUI ; BATE LÁ .

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,
Não consigo acessar a Afabbrs, poderia me dar a procuração por e. mail ?
Leia no seu e. mail eu estou lá.
Vamos todos juntos.

Anônimo disse...

Perfeito o comentário da Pensionista sem voz, apenas deve-se acrescentar: justiça nesse país não existe para a parte mais fraca e a res. 26 se cair será editada outra no lugar, então o negócio é usar a mídia...

Abraços

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, devo -lhe dizer que passei a gostar de suas colocações de jogo de tênis, família, jogo de futebol, e por aí vai. Desconfio de minha própria sombra. Só confio em DEUS, justo, soberano e que não falha nunca, nesta ou naquela. Compreendo agora a sua postura, calma, tranquila, e de um bom negociador e de pessoa que viveu neste antro. Devemos sim , viver para conhecermos e podermos mudar. Desejo aprender muito com você.Com essa tropa devemos agir com firmeza e demonstrando calma no agir. Venceremos, conte comigo, não me julgo, um zero à esquerda. Que tal começarmos a briga para valer agora. Mostrarmos a imagem do BB assustaria eles. Vamos marcar um encontro com faixas onde todos lerão, com a ajuda do PSOL e do PSTU no MOURISCO num domingo ensolarado. Antes deste ato, iríamos a RECORD única emissora que tem a coragem de bater de frente com a GLOBO, para nos darmos apoio em seus veículos de comunicação, espalhados no Brasil através de suas repetidoras. Um abraço daquele que aprendeu um pouco contigo. E viva a vida, que nos dá a possibilidade de ajudarmos os desacreditados e fazermos vê-los que o "jogo" só começou. E vamos ver quem tem medo de alguma coisa aqui, se somos nós ou eles.
Por enquanto anonimo.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros anônimo das 20:17 h. Espero orientações suas. Se acatar as minhas sugestões, sigo suas e nossas determinações. Estou no aguardo de suas determinações e as cumprirei à risca sem preguiça, que é um dos dez pecados capitais, e solicito que aos demais que muito falam, saiam de seus pijamas porque sempre é bem confortador fazer justiça, porque a vida não acaba, ela sempre continua.... e veremos que fizemos algo de bom nesse mundo. Seguindo já o Sr. DR. Medeiros, plantarei uma árvore, pois nunca plantei uma. Tudo é lindo quando feito sem ódios e só pedindo ajuda a DEUS, que é só amor.
Por enquanto um anônimo.

Pensionista sem voz... disse...

Ainda digo mais, colega Anônimo das 19:27, do jeito como as coisas vão, se um dia ganharmos alguma coisa na Justiça, nada impede que o BB crie sua própria resolução 26 e nos empurre via alteração de estatuto na Previ.

Temos que botar a boca no trombone e, quem sabe até, apelar pra Convenção Americana sobre Direitos Humanos da OEA. O que o senhor acha da idéia, Dr, Medeiros?

Anônimo disse...

COLEGAS,


Não vai adiantar muito a gente espernear. O AUMENTO DO TETO PARA 100% é a única proposta que interessa aos negociadores do BB. Eles adoram fazer bons negócios com o dinheiro dos participantes da PREVI.

Querem aumentar os altos salários e explodir com o resto.

EM BREVE CHEGARÃO AONDE QUEREREM: FICAREM RICOS COM O DINHEIRO DOS OUTROS.

MEDEIROS disse...

Se essa atitude imoral do BB não tirar o nosso pessoal da letargia, então tudo está perdido. Claro que temos que botar a boca no trombone e tudo o mais que for necessário. Qualquer providencia é válida, desde que haja mobilização. Não critico nem condeno as atitudes dos outros. De minha parte acredito no protesto judicial por enquanto. Acho que na hora que ajuizar o protesto a mídia vai divulgar , desde naturalmente que seja expressivo, que represente a indignação e a idéia de muitos, e não apenas de meia dúzia de gatos pingados.

Pensionista sem voz... disse...

É mais ou menos assim, Nobre Heleno:

Como o banco "paga pouco" a seus executivos, quer que sirva como atrativo os enormes benefícios que receberão quando se aposentarem. Tudo isso, claro, pago às nossas custas, às custas da Previ, que não tem dinheiro pra nos dar um aumento digno, mas terá que pagar aposentarias de mais de 80 mil Reais aos "amigos do rei" e futuros executivos se a proposta for aprovada.

Dizem que o maior salário que o banco paga hoje é de 27 mil Reais. Com isso, diz o Banco, "executivos competentes preferem trabalhar pra concorrência". Pra atraí-los, o banco quer contar com uma mãozinha de seus aposentados, prometendo aos executivos uma aposentadoria TRÊS VEZES MAIOR que o salário que eles receberão enquanto estiverem trabalhando pro Banco. Valores que chegarão a mais de OITENTA MIL REAIS. É como se dissesse: "Sacrifiquem-se hoje pelo Banco que amanhã nossos aposentados, já tão sacrificados, garantirão o futuro de vocês".

Maria disse...

Sem dúvidas temos que começar a nos mexer....a mostrar que estamos vivos.
E um começo tímido, mas interessante, seria o de já tirar nosso minguado dinheiro do BB, Ourocap, Seguros de Carro, residência, etc...

Anônimo disse...

E prá quando foi marcada a próxima reunião??? Ou não marcaram nada?

Anônimo disse...

OS FANTASMAS DE MAIO...........
bla bla bla bla bla bla bla bla bla bla bla bla bla bla bla bla

A gente sabe que a camarilha tem a faca, o queijo e a goiabada.

Tudo que a matilha ALMEJAR há de conseguir - com a conivência até das altas cortes, os morcegos de
rabo preso com a cambada petista,
inclusive com a bruxa mor.

E a gente só fica no bla bla bla.

O facto é claro e evidente - vamos só nos contentar com as parcas migalhas que BB/PREVI nos oferecer
de esmola. Só e pronto.

O resto é bla bla bla bla bla.

E finalmente bla bla bla bla bla.

Anônimo disse...

Demorando para que instituição como bb fosse contaminada. A corrupção, neste país, é qualquer coisa de assustador. Isso ainda nos vai custar caro. Aliás, pensando melhor, acho que não, pois o brasileiro gosta de ser chamado de "gentil"e "dócil".

Jorge Teixeira - Araruama (RJ) disse...

Colega Medeiros,
Primeiramente devo dizer que concordo com Você quando afirma que devemos nos insurgir contra essa proposta indecente do patrocinador para aumento dos “benefícios” de seus executivos para algo em torno de oitenta e um mil reais. Entendo que essa excrescência deverá ser barrada pela Previc já que não há contrapartida por parte de cada um dos possíveis beneficiários em termos de contribuição e formação de reserva matemática para essa finalidade. Imagino que a mencionada flexibilização no caso do voto de minerva será usada pelo “patrão” como moeda de troca para aprovação da proposta indecente. Nota-se nisso tudo a intenção precípua do patrocinador em beneficiar regiamente apenas os trabalhadores do alto escalão. O Banco propositalmente está passando o trator naquela premissa de que todos contribuíram para formação desse belo patrimônio hoje existente no “PB-1”. Logicamente todos também deverão ser beneficiados pela frutificação dos investimentos, desde que proporcionalmente a quantidade que cada um utilizou em termos de “adubo” durante toda a vida laboral.

ANTONIO OLIVAES disse...

Caro Dr Medeiros, bom dia!
Efetuei na sexta, dia13,via Internet, transferência no valor de R$150,00 para as custas do protesto judicial. A procuração já está com minha firma reconhecida e quero saber para onde devo encaminhá-la.
A_Olivaes@hotmail.com

José Marinho, Campinas disse...

Anônimo de 16 de maio, às 06:39. Não é tradição do funcionalismo do Banco esse tratamento pouco educado com as colegas, nem sei quem o anônimo está chamando de "bruxa mor", mas seja ela quem for não merece um tratamento tão grosseiro. Queira me perdoar o reparo, mas não foi isso que aprendemos ao longo dos anos trabalhando no Banco.

Anônimo disse...

Pessoal,
Vejo aqui muitos não sabendo para onde encaminhar a procuração. O doutor Medeiros deu o endereço na própria procuração, na qualificação dele. Tem coisas que são óbvias.
Site da AFABB-RS:
www.afabb-rs.com.br
Não confundir com email que tem arroba (@). Site não tem arroba.
Endereço da Afabb-RS;
Rua Uruguai, 300 - 11º andar
CEP: 90010-140 - Porto Alegre-RS

Mandem para a AFABB-RS A/C do Dr. Medeiros que ele recebe.
O importante é mandar. Vamos lá, pessoal! Mexam-se! O tempo está acabando. Vamos protestar em massa que a imprensa vai divulgar!!!

Anônimo disse...

Que vergonha o bb querer criar um benefício mensal de OITENTA E UM MIL REAIS só para "alguns".

Pior: quer o bebezinho que a PREVI venha a pagar mensalmente esta PeTezada safada, sem-vergonha, encastelada em sindicatos medonhos !

J U S T I Ç A !!! VAMOS ACABAR COM TAl PROPOSTA INDECENTE !!


R$ 27 mil é o salário mensal dos "executivos petistas" dentro do BB. a Proposta Indecente é "elles" ganharem 3 X SEUS SALÁRIO, AO SE APOSENTAREM NO PLANO 1 DA PREVI...

Ora,, vão se catar..R$ 81 MIL MENSAL É DEMAIS...(nem a PREVI aguentará)

Anônimo disse...

Carao Medeiros,

cadê as associações chamadas grandes, principalmente a aafbb que tem dois de seus dirigentes na previ? a aafbb, e a ela me refiro especificamente por ser a que mais faz alarde de suas "conquistas", por que não denuncia essa intenção criminosa contra nós e principalmente contra seus associados? e a anabb que também se cala? e a unamibb que não se pronuncia? gostaria que essas associações reamente nos representasse.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros. Esta ficando um clima perigoso para o BB. A credibilidade afetada derruba uma Casa. Hoje a Previ, amanha a Previ futuro, depois o Brasilprev. Seria possivel algo CAUTELAR para frear inconsequencias e irreponsabilidades desta administracao ? Contribuiria tambem para outra acao Saude Mario

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,
Amanhã envio pelo correio a minha procuração. Agradeça a Elizabeth as coordenadas.
Vou fazer o possivel para estar em Xerem, embora não faça parte de direção de nenhuma entidade.
Vamos à luta !
Claudia

Anônimo disse...

R$ 81.000,00 DE APOSENTADORIA?

É isso que eles pretendem e querem?

Então COMPREM UM BRASILPREV, oras.

Anônimo disse...

PÉRA AÍ....

NÃO PODE ENTRAR MAIS NINGUÉM NO PB1, QUE FECHOU EM 1997,
SÓ SE OS DO PREVI FUTURO DEIXAREM ENTRAR NO DELES.
ABRAM OS OLHOS VOCES DA ATIVA.....

Anônimo disse...

Li no jornal da unamibb essa história dos oitenta e um mil. Isso é um atentado contra os aposentados

Anônimo disse...

Bla bla bla bla bla bla
De 16 de maio de 2011
06 39 00 h

---------------------------------
Prezado colega José Marinho
De Campinas .

-----------------------------------

Para mim serviu de alerta seu comentário, polído e educado.
Muito condizente com atitudes de funcionários do Banco do Brasil.

De fato não se deve ser tão acído e grosseiro e ocupar espaço em um blog de tamanho conceito, moderado pelo nosso caro Dr. Medeiros para destilar desabafos desairosos.

Pela maneira que o senhor redige, evidencia-se tratar-se de uma pessoa afável, que já veio educado,
procedente do berço .

Em nenhum momento senti que estava tendo , digamos, um puxão de orelha.

Penitencío que fui rude e exgagerado, naquele momento, após ler o blog de Dr. Mediros.

Com muita revolta, com tudo que a PREVI vem fazendo com seus assistidos, tratando-nos com enorme descaso.

O mês de maio já passou da metade.
A promessa de realinhamento, pactuada, ainda nem saiu do papel.

Assim fui escrevendo o que me afrontava e posso lhe garantir, que o veneno destilado, da forma que o senhor havia suposto, não foi endereçado aos nossos sofridos colegas de labuta.

E para finalizar agradeço muito seu
pito, tenha certeza que vai servir de exemplo.