RENOVAÇÃO NA CASSI - CHAPA 4

domingo, 9 de março de 2014

Foram homologadas as quatro chapas que vão disputar a eleição para a CASSI e está iniciando o periodo destinado à campanha eleitoral.

Todos já sabem que estou apoiando a chapa número quatro, RENOVAÇÃO, onde o vice presidente da AFABB RS, Claudio Lahorgue, figura como titular do conselho deliberativo.

Não, não apoio incondicionalmente, só porque o Lahorgue está na diretoria da AFABB RS, da qual sou o atual presidente, nem por conhece-lo e saber de sua seriedade e competência.

Torço pela chapa Renovação porque fiz uma análise criteriosa do pleito e cheguei à conclusão, por eliminação das demais, de que era a chapa mais adequada para o momento que vive a CASSI e para a defesa de nossos interesses de saúde.

E´ evidente que a primeira chapa que excluí foi a da situação, a de número um.  Impossível e inviável que, nessa altura do campeonato, sabendo de todas as inconveniências e mau humor do Banco do Brasil com a CASSI, que alguém de bom senso em nosso meio possa pensar em votar numa chapa oficial.  Seria um tremendo tiro no pé.  Tudo farinha do mesmo saco na CASSI é votar pela destruição da CASSI.

Assim, restou definir qual das tres chapas da oposição escolher para depositar o meu voto. Em minha opinião as chapas números dois e três não tem condições de vencer, inclusive Humberto, que encabeça a chapa tres, já foi derrotado na eleição anterior, quando disputou o mesmo cargo de diretor, e demonstrou não ter o carisma de um candidato vencedor e arrebatador de votos indecisos. Ademais, as correntes e os grupos que apoiam essas chapas não possuem a força eleitoral suficiente para enfrentar a chapa da situação, com todo o poderio financeiro e logístico desta.  Mesmo unidas, o que seria louvável, teriam dificuldades.

Sobrou a chapa número quatro, RENOVAÇÃO, onde o Lahorgue está inserido.  Essa é, sem dúvida, uma chapa forte, a única da oposição com condições de enfrentar a da situação, e vencer o pleito.

Breve serão divulgados seus propósitos e as bandeiras que pretende defender na CASSI.  Vamos, então, tomar conhecimento do seu programa. Mas uma coisa é certa.  O principal motivo para votar nela é a circunstância de que pretende fazer oposição às investidas do BB na CASSI.  Há perigo, sim, da CASSI atual ser substituída por uma entidade privada na administração do nosso plano de saúde. Vejam o que está ocorrendo nos CORREIOS, motivo da greve. E´ que os Correios tem na presidência também um sindicalista de carteirinha, ex presidente da Petros, Wagner Pinheiro, da mesma escola do Sérgio Rosa, cuja esposa era sua assessora no fundo.

Portanto, caros colegas, vamos de chapa quatro, RENOVAÇÃO, na eleição da CASSI, antes que seja tarde demais. Não se omitam nem desperdicem seu voto: chapa quatro. Lahorgue para titular do conselho deliberativo.

26 comentários:

Dejair José Pereira Gomes Antunes disse...

Conte com meu voto. Pode também me enviar orientações para campanha. E vamos que vamos!

Anônimo disse...

Buenas.
O informativo PREVI, Edição 433, que chegou pela internet, define as chapas inscritas para as próximas eleições.
Rovere

Anônimo disse...

Mederão Cabra Macho,

Cê indica e vamu atrás

É nóis

Anônimo disse...

Vamos na chapa da RENOVAÇAO, o Sr. Lahorgue na cabeça, nós aqui de Pelotas .RS. temos que votar em colega conhecido, pois, cada vez piora a Cassi por aqui, e cada vez mais descredenciamento de médicos em Pelotas. É uma vergonha.

Anônimo disse...

Prezado Dr Medeiros,

Pensionistas não votam para as eleições Cassi.

Até hoje não sei qual o motivo da discriminação já que continuamos contribuindo com o mesmo percentual que os aposentados e funcionários da ativa para a Cassi e também sobre o 13 salário.

Mas apoio a chapa que o colega indicou e vou fazer campanha com os meus contatos para a chapa RENOVAÇÃO NA CASSI -CHAPA 4.

Atenciosamente

Rosalina de Souza
Pensionista
Matricula 18.161.320-4

Medeiros disse...

qUERIDA rOSALINA,

Também não sei porque não votam, já que na PREVI votam. Aliás na Previ fomos nós da AFABB RS, na época da minha anterior presidência, que conseguimos essa conquista após campanha lançada numa apresentação das contas em Porto Alegre. Obrigado por apoiar e mais uma vez meus cumprimentos pela excelente mensagem pelo dia internacional da mulher.

Anônimo disse...

Conte com meu voto e minha campanha.
Oscar A . Bach Jr

Jurandir Waltrich disse...

Colega Medeiros!

Estamos juntos contigo na Cassi e
na Previ.Um abço.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, o Sr. considera que o resultado da eleição Cassi pode ser um prenuncio do que poderá acontecer também nas eleições Previ?

Anônimo disse...

Medeiros voce fez sua parte, agora a responsabilidade é nossa, que Deus nos ajude. João Neto

Anônimo disse...

Medeiros, fique certo que votarei na chapa 4.

Abraços

Anônimo disse...

Prezado Medeiros, já estou em plena campanha, junto com outros colegas, pela Chapa 4 RENOVAÇÃO. Um abraço. Humberto - Caxias do Sul

Anônimo disse...

Colegas,

Tem uma matéria muito interessante sobre as eleições da Previ que saiu no Valor Econômico, onde o dr. Medeiros é citado. Está na íntegra no blog Olhar de Coruja, que pode ser acessado na orelha do blog do Medeiros, blogs que ele segue. Dá a impressão que desta vez a situação pode perder a eleição para a chapa do Medeiros. Merece ser lida, pois traça um panorama bem realista.

Jair Mário Bork disse...

Então tá, chapa QUATRO para CASSI. Conte com meu voto.

Anônimo disse...

Então, estamos combinados - CHAPA 4.

WILSON LUIZ disse...

Causou-me grande decepção a colega Leopoldina Correa ter aceitado participar de uma chapa divisionista, cujo objetivo é desunir a oposição. Reconheço-lhes o direito de concorrer, mas em política é preciso ser realista, eles não têm a menor chance de vitória; se for feito um “bolão”, dou para eles 8% dos votos.

Anônimo disse...

Dr.Medeiros,
Voto na chapa Renovação e ainda vou fazer campanha.
Rosario - aposentada
Vamos que vamos

Antonio Carvalho disse...

Caro Medeiros:
Estamos juntos apoiando a chapa 4 da CASSI - Renovação. Conheço o Lahorgue e outros integrantes da chapa. A chapa do Humberto já foi derrotada 2 vezes e será derrotada novamente.
Devemos eleger sim a chapa 4 RENOVAÇÃO. Além de votar, farei campanha, na certeza de que é melhor opção.
Abraço,
Carvalho.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, se é para tomarmos as rédias dessa carroça desgovernada, vamos que vamos com a quatro. Vamos começar a caça aos votos, e correr para o abraço.

Anônimo disse...

“WILSON LUIZ disse...

De fato, as ações estão desvalorizadas, no Brasil, devido à política econômica do governo, mas isto não vai durar para sempre. Se os economistas franceses (devem ter sido professores de nosso genial ministro da fazenda, Guido Mantega) estiverem certos, quando as ações da Apple valerem zero, compro todas, hoje a empresa tem valor de mercado de 600 bilhões de dólares.
Outra grande “misturada de estações” foi sobre liquidez.”

- 1. Na realidade as ações da Bolsa Brasileira estão é muito valorizadas. Para comprovar tal assertiva basta fazer um estudo de longo prazo da evolução da cotação das ações da Bolsa brasileira e comparar este com um estudo da evolução do PIB no mesmo período. Em outros termos, basta recordar que nossa economia é uma economia monetária da produção.

“Da mesma forma que a máquina do movimento perpétuo é um sonho impossível por violar as leis fundamentais da física, é impossível para uma economia que se expande a uma taxa de crescimento real de 2-3 por cento ao ano proporcionar um lucro universal de 10-15 por cento ao ano, como muitos investidores têm sonhado (...).”

(...)

“Eles expressam uma verdade simples que é muito dolorosa de aceitar para a maioria, aquela de que os ganhos anteriores não eram reais, mas apenas valores artificialmente inflados que borbulhavam na esfera financeira, sem qualquer âncora e justificação na economia real.

http://arxiv.org/pdf/0905.0220v1.pdf

2- Os ativos financeiros têm um "valor". Se eu tenho um milhão de ações, cujo preço é de 100 euros/ação, a minha riqueza é de € 100 milhões. Se o preço das minhas ações dobra, dobra a minha riqueza, e se cai pela metade, eu perco 50 milhões de euros. Mas estes números somente medem o valor virtual da minha fortuna financeira. Os lucros (ou perdas) apenas se tornam reais no momento em que eu procuro me livrar de minhas ações, a fim de obter dinheiro para o propósito de comprar algo real, por exemplo, uma casa. A capitalização bursatil, ou seja, o valor total das ações, em si, não significa nada. Os mercados financeiros são principalmente mercados secundários, onde as pessoas vendem, por exemplo, ações da Vivendi para comprar ações da France Telecom. De acordo com a oferta e demanda, o preço das ações pode flutuar, mas estas transações são também virtuais no sentido de que o preço em que estas transações são realizadas é relativamente simbólico. Estes preços, de um tipo particular, poderiam ser multiplicados por mil, como se fossem expressos numa moeda especial, desconectada das moedas reais. Assim, poderíamos imaginar uma economia onde todos seriam bilionários em ações, com a condição de não tentar vendê-las.
http://www.internationalviewpoint.org/spip.php?article1551
3. As contradições, acima mencionadas, aparecem em plena luz quando nós consideramos os interesses potencialmente antagônicos que exprimem a especulação (“determinado” capital financeiro) e a poupança concentrada coletiva (investidores institucionais).

4. Por fim, mas não menos importante, sugerimos publicar numa revista de economia a sensacional revelação, conforme se segue:

“(...) Esta é a razão de termos um bom colchão de liquidez.” (Dan Conrado / presidente da PREVI -
Cristiano Romero De São Paulo)

Anônimo disse...

Medeiros,

Realmente tem gente séria, como o Sr. Lahorgue na chapa, o que é um alívio!

Mas, infelizmente, há pessoas na chapa simplesmente pela "situação", sim, pela situação de seus próprios umbigos. Estão na chapa não para pleitear condições melhores para os usuários da Cassi (o que é urgente!), mas para ficarem na vidinha boa de um cargo ganhando bem por 4 anos, pouco se importando com o peso da saúde de qualidade para cada um de nós. E não sou o primeiro que menciona isso...

Realmente é UMA PENA...

(Postei como anônimo por não conseguir fazer login.)

Anônimo disse...

Todos que puderem devem fazer campanha para a chapa do Dr.Medeiros porque é a mais confiável.Só acho que não é preciso ficar contando para nenhum dos membros da chapa porque fica parecendo promoção pessoal com algum interesse.Vamos trabalhar em silêncio.

Anônimo disse...

HOMEWORK:

1- Por que a tendência da Bolsa brasileira é de baixa irreversível?
2- Por que a Bolsa brasileira apenas cai, mas a queda é sempre lenta?
3- Por que os interesses dos proprietários formais da poupança concentrada coletiva (“assistidos”) são potencialmente antagônicos aos interesses de “determinado” capital financeiro?

Anônimo disse...

Dr.medeiros,moro no interior de minas e vou fazer campanha pela chapa quatro.Se Deus quiser vamos ganhar essa.

dinho disse...

aqui tambem no rio estou juntando os amigos para votarmos na chapa 4

Carlos Mariosan Silveira Carlinhos disse...

Renovação é a palavra!

Carlos Mariosan