AUMENTO DO EMPRÉSTIMO SIMPLES PARA 160 MIL

terça-feira, 16 de agosto de 2016

A PREVI divulgou em seu site que, a partir de 15 de setembro, o empréstimo simples terá seu limite majorado para 160 mil reais.


Essa notícia permitirá algum alívio para um grupo de participantes que está apertado financeiramente, pois propiciará margem para o aporte de novos recursos.

Tem gente que criticou o Encontro de Camboriú promovido pelas AFABBs do sul do país, afirmando que era inócuo, que não produzia resultados concretos.  Aí está, logo após o Encontro, veio a divulgação da notícia. Acredite se quiser.

Outra notícia alvissareira é a da bolsa de valores que não para de subir, está a 59.000 pontos, rumo aos 60.000, desde que o Meirelles assumiu o Ministério da Fazenda com sua equipe econômica. Com essa performance os fundos de pensão tem melhorado o seu resultado, inclusive a Previ.

O jornal Valor Econômico de ontem noticiou que os fundos, entre os quais a Previ, vão decidir pela venda de suas ações na CPFL para State Grid. numa operação bilionária.

E para fechar as notícias, foi emocionante a conquista da medalha de ouro no salto com vara, e as medalhas de prata e bronze na ginástica artistica de solo nas Olimpiadas.

22 comentários:

Rubens disse...


Dr, Medeiros,a notícia de que o valor do ES para 160.000, é um pequeno avanço, desculpe a franqueza, uma vez que a maioria dos aposentados que utilizam, não terão MARGEM CONSIGNÁVEL suficiente e não houve a DILATAÇÃO DO PRAZO, ou ALONGAMENTO das PRESTAÇÕES. Acho, na minha insignificância, de aposentado, que pouco adiantou o aumento de limite, uma vez que a grande maioria não conseguira fazer esta operação. Um abraço e tudo de bom, colega, continue firme e atuante, e fique com Deus.

Anônimo disse...

Cara pálida! Em nada adiantou, ao não ser para os mais graduados, o aumento do empréstimo simples. A previ direciona mais uma vez o reajuste do empréstimo simples.

Anônimo disse...


Uma lástima que os que estão realmente necessitados não terão chance nenhuma com a elevação de limite para 160 mil por absoluta falta de margem. Seria uma ótima oportunidade que a Previ daria a muitos de poder organizar sua vida financeira fora do âmbito do Fundo e a poder ter dias mais tranquilos. Enfim, como se dizia nos tempos de Banco, manda quem pode e obedece quem tem juízo. Uma pena que muitos assistidos e pensionistas tenham que passar atestado de maus pagadores quando se poderia auxiliar num momento de dificuldades principalmente daqueles que tem os salários mais baixos sem prejuízo da Previ.

Anônimo disse...

Trapaça psicológica.

JURANDIR WALTRICH disse...

Faço minhas palavras ao comentário de Rubens (16.08.16 as 17;18), acho que a maioria dos devedores no ES, não terão MC para renovar

Anônimo disse...

Ora, ora, não entendi essa alegria pelo aumento do limite do E.S. Trata-se apenas de oferecer corda para auto-enforcamento. Cansei de ver nesse blog lamúrias de aposentados, desesperados, porque pagam, pagam, pagam, e o saldo devedor do ES só aumenta. Avalie agora com esse novo valor. Mas, se for para a felicidade geral da Nação .......

Anônimo disse...

Dr Medeiros, concordo com o que o colega Rubens escreveu. Só aumentar o limite sem prolongar prazos não refresca nada, porque a maioria dos tomadores de empréstimos estão com a corda no pescoço, mais preocupados com prazos do que com valores, vamos torcer para que o diretor Marcel se sensibilize e modifique também os prazos do ES. Mas, para começar, concordo com o Dr Medeiros, já houve um pequeno avanço.

Josué
Castro PR

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Desculpe a franqueza. Infelizmente eu não acredito em resultado da reunião. Ninguém da um aumento, mesmo para o empréstimo simples, da noite para o dia sem um estudo sobre o tema ou coisa que o valha. Vã ilusão.

Paulo Beno disse...

Boas noticias tambem no site da PREVI>

O Plano 1, agora em julho, atingiu R$ 159 bilhoes no valor de seus ativos totais, pois as provisoes matematicas*reservas*estao subindo, com a alta do INPC. Calcularam em junho R$142,47 bilhoes reservados para os 115.456 participantes do Plano 1.
Dessa forma, nunca mais havera superavit, visto que o deficit entre o ativo liquido e as reservas estava em negativos R$ 17,8 bilhoes no final do primeiro semestre.

2. Quanto aos 2 emprestimos aos participantes, tem se mostrado rentavel a
PREVI, com R$ 5,68 bilhoes emprestados, rendendo 8,35% no primeiro semestre de 2016.
Pode emprestar ate 5,7% dos ativos totais, mas tem emprestado so 3,94%....faltam tomadores_...

luis fernando disse...

Medeirão, o que nos preocupa demais, é as provisões matemáticas do plano 1. E no meu entender, grande culpa é os benefícios da turma dos SEM TETO. Enquanto não estancarmos e.ssa sangria, de nada adianta

Anônimo disse...

Caro Doutor José Bernardo de Medeiros Neto,

Precisamos de prazo, muito prazo Caro Doutor.
Proponha 180 e estará dando conforto para o pagamento, antes que o FQM chegue.
Abraço

Anônimo disse...

Colegas, não vou conseguir pegar o empréstimo simples de R$ 160 mil, motivo: não tenho margem consignavel positiva.
Assim como eu, deve ter vários colegas na mesma situação sem condições de pegar o emprestimo simples de R$ 160 mil.
Espero que os dirigentes da PREVI, sensibilizados com essa situação degradante que se encontram a maioria dos colegas aposentados e pensionistas, encontrem meios de solucionar esse problema.
Solução seria dilatar o prazo do empréstimo para no minimo a 180 meses.

Anônimo disse...

Pessoal eu acho isso uma brincadeira com os aposentados e pensionistas da PREVI, só aumentar o limite de empréstimo simples para R$ 160 mil não é a solução. Precisa, também, aumentar o prazo de pagamento desse empréstimo.

Aristophanes disse...

Prezado Medeiros.
Leitor silencioso do seu blog, faço um grande esforço para evitar participações amiudadas, principalmente, quando dizem respeito ao contraditório, em relação aos comportamentos da Previ, dona da verdade, a quem bem se aplica o “magister dixit”, para estabelecer dogmas e encerrar questionamentos. Não vou historiar com exemplos, que são numerosos... Daí o meu desânimo!
Entretanto não me sustentei, nesse caso do Empréstimo Simples, cujo anúncio de “melhorias”, feito, dias atrás, no site da Previ, e curiosamente retirado, logo depois. É uma afronta e um desrespeito à nossa mínima inteligência. Vejam só o cinismo das “melhorias”:
1. Para uma comunidade que, em janeiro de 2014, foi surpreendida e penalizada com o abrupto corte do BET e onerada com o retorno das contribuições, deu-se, agora, depois de 24 meses de congelamento, um “aumento” no limite do ES, que passará de R$145 mil para R$160, ou seja: um reajustamento de R$15mil, equivalente a pouco mais de 10%. Em contrapartida, qualquer idiota sabe que, nesse mesmo período, a inflação fantasiosa do INPC, ficou em torno de 20,5%, donde um “aumento” honesto do limite do ES deveria ter sido para perto de R$175mil.
2. Desavergonhadamente, anunciaram como “benefícios” a manutenção das regras perversas, introduzidas em julho de 2014, punindo os mais velhos com a violenta progressividade, na redução de prazos e no aumento de custos(FQM). Essa “bondade”, aliada aos rigores do novo conceito(30%) de Margem Consignável, completou a chacina dos potenciais tomadores do ES-A e jogou na rua da amargura os poucos que podem buscar a cavilosa alternativa do ES-B.
Fico por aqui, triste. Menos, pelas aritméticas maldosas que, ao final, reduzem bastante os benefícios que o ES-Previ poderia proporcionar aos “velhinhos trambiqueiros”. Mas, muito mais, pela maneira desrespeitosa e pelo menosprezo à verdade. com que a Previ – neste caso e em outros – trata os seus participantes e assistidos.
Agora, só falta o BRA perder, no volei para os Hermanos.

Cordialmente, Aristophanes

Renato Sant Ana disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Aristophanes disse...

Vitória, com raça, do Brasil! Nem tudo está perdido.

Anônimo disse...

Dentre os vários instrumentos possíveis em ações judiciais, temos o chamado RECURSO EXTRAORDINÁRIO.

Com é do conhecimento, este recurso na área trabalhista, só é acatado se uma decisão contraria a Constituição Federal...

Muito bem, eu tenho uma ação conduzida no TST, desde 2010...depois de vários julgamentos, teve a última decisão por unanimidade, junto a Seção Especializada em Dissídios Individuais.

Como a decisão foi contrária a PREVI, esta entrou com o chamado RECURSO EXTRAORDINÁRIO.

Andei pesquisando sobre o assunto, consegui levantar 33 processos conduzidos no TST que teve o referido recurso. Pois bem, em todos a pretensão da Previ não foi atendida, teve até casos de incidência de multa.

Para entrar com tal recurso, a Previ tem que recolher o montante aproximado de R$ 13 mil, além de ter que pagar os honorários advocatícios.

Justamente aí que recai a minha dúvida...tem algum departamento na Previ que acompanha tais despesas, e a viabilidade de entrar com tais recursos, considerando que quase a totalidade não logra êxito.

Para mim, é mais uma fonte de recursos que está indo para o ralo...

Anônimo disse...

O limite do ES passar para 160Mil infelizmente não ajuda em nada aos mais necessitados, a diretoria da Previ devia socorrer os mais endividados dilatando também o prazo, para que os associados menos favorecidos conseguissem levantar algum valor para quitarem dívidas com juros mais altos, mas ajudar não é com a Previ.

Anônimo disse...

Devemos dizer um ao a outro somente o que realmente pensamos e desejar apenas o que é possível, pois ambos sabemos que numa discussão de questões humanas a justiça só entra quando existe equilíbrio de forças e que os poderosos exigem o que podem e os fracos concedem o que precisam.
*Conferência de Atenas 416 a.C.

Anônimo disse...

O plano Previ I vai servir somente para os "sem teto". Vamos esquecer este assunto de que com a morte do último "assistido" o nosso plano acaba. Deve vir uma reforma de estatuto, que será aprovada por todos sem questionar.
Por que o Previ Futuro poderá sacar a parte patronal (vejam no site do sindicato de Brasília)? Por que os pedevistas não conseguem isto e ninguém se empenha da mesma forma por eles?


PROFETA disse...

Ja paguei 22 parcelas, e o saldo devedor é praticamente o mesmo que tomei. Margem NEGATIVA. E a mesma coisa que acontece com o imobiliario. Quitei meu apartamento pra comprar outro melhor. Aumentaram o prazo para 400 meses e ZERARAM o valor a ser financiado.
UMA VERGONHA

Anônimo disse...

Caro Sr. Medeiros,

O empréstimo Simples é uma lástima, uma doença crônica. Está levando boa parte do salário de quem o contraiu. Espero resolver minhas dificuldades financeiras sem nunca mais fazer renovação. Podem aumentar o teto, aumentar o prazo, diminuir a prestação. Quero é saber que vou ficar livre de uma dívida. Com o ES estamos amarrados. Uma dívida que aumenta a cada mês contra um salário que aumenta uma vez por ano. ES NUNCA MAIS.
Fico imaginando se a maioria de nós o liquidasse e não fizesse mais o empréstimo, aí, sim, as condições seriam logo mudadas.