DECEPÇÃO

quinta-feira, 21 de maio de 2015

O Internacional repetiu erro das últimas partidas. Não aprendeu a lição. Não sentiu o perigo nem o risco que corria. Cedeu escanteios no final do jogo. Levou gol nos últimos segundos. E jogou fora a oportunidade e a vantagem, perdendo o jogo. Lamentável.


Deveríamos aproveitar esses ensinamentos da vida esportiva em nossas vivências do dia a dia. Talvez não fossem desperdiçadas as chances para uma vitória ou um empate vantajoso nos embates funcionais ou profissionais. Um descuido ou uma arrogância pode custar caro na última hora, e termina prejudicando todo um trabalho perseguido por meses. E aí acontece uma baita  decepção.

Está fervendo o nosso caldeirão.  A proposta indecorosa do BB com relação a CASSI revoltou a FAABB e o universo de aposentados e pensionistas. O BB disse que não quer mais saber dos pós laboral. Quer se livrar de nós. E acha que valemos pouco. Apenas cinco bilhões. Quer disponibilizar essa quantia para que ela seja administrada por ele mesmo, através de diretores indicados, e por dirigentes oriundos da Contraf Cut.  Baita decepção.

A questão envolvendo Marcel contra Cecília relativamente a um estudo para o aperfeiçoamento administrativo da Previ, para mim é uma mera cortina de fumaça, um assunto para desviar nossa atenção de outros muito mais delicados e graves que andam rolando por aí e que, ao contrário do dito cujo, já foram objeto de decisões, bastante questionáveis. Essa matéria vai ser examinada e debatida na reunião do CD e após darei meu parecer definitivo sobre o assunto. Parece que o diretor Marcel pisou na bola mais uma vez. Baita decepção.

Sobre a fórmula esquizofrênica do ES com CAPEC ainda é cedo para uma opinião abalizada a respeito, se é boa, se é ruim, faltam concluir os estudos que recém estão em seu início, segundo me informaram. O que venho dizendo é que não consigo entender essa preocupação exagerada com a solvência da terceira e última idade. Parafraseando diretores que costumam afirmar que não são  as aposentadorias acima do teto que vão quebrar a Previ, declaro, com absoluta certeza, de que os velhinhos do plano 1 também não tem essa força, os ES deles não vão quebrar o nosso fundo de pensão, muito pelo contrário os encargos que pagam mensalmente são uma bela fonte de receita. Prego uma solução linear, descomplicada e justa para todos. 160 x 160 agora. Sem discriminações, que deixam um rastilho de rancor e de ressentimento. Baita decepção.

Por último, a reunião de ontem as 16,00 horas na Previ foi mais uma decepção para mim. Ela ocorreu em alto nível de cordialidade e de respeito por parte do Dr. Guimarães, consultor jurídico da Previ, e do Dr. Marcelo, chefe de gabinete da Presidência, propiciando um clima de abertura indispensável para o debate. O que me frustrou é que aguardava proposições concretas e não uma troca de idéias. Sou partidário do diálogo, mas acho que essa fase já passou. Deveria ter acontecido no ano passado, em outubro ou novembro. O momento atual, com situações , por exemplo, na cesta alimentação, onde escritórios vorazes de advogados contratados pela Previ requerem mandados de penhora contra os participantes, contra os donos da Previ, como são chamados pelo presidente Gueitiro, exige tomadas de providências urgentes e decisivas. Não me neguei a continuar a troca de ideias, que me propuseram continuasse em Porto Alegre, com a ida do consultor jurídico até lá, mas sou obrigado a confessar, com a franqueza que me caracteriza, que tive uma baita decepção.

Vou encerrar aqui essa postagem, que pretendia mais alegre, quem sabe um bingo, tão escasso ultimamente, porque tenho um imenso material para estudar e analisar, que será colocado para deliberação na reunião de amanhã no CD. Estou contrariado com vários deles. Não tenho voto, mas, como proclamam, tenho voz. Então...O blog continua bombando. O nosso povo está inquieto. Ontem foram quarenta mil acessos. Um recorde. Muitos comentários de elevado valor. Outros, mais agressivos e de infiltrados, tive que deletar. Informo ao Adaí que o meu livro no olho do furacão está à disposição dele na secretaria do conselho deliberativo da Previ, com a Angela. Bom proveito.


45 comentários:

Anônimo disse...

O presidente da Previ Sr. Gueitiro, declarou que o ES CAPEC estava em fase avançada de estudo, agora a informação é que mal se começou a proposta.
Os 7000 mais necessitados estão angustiados a espera dessa "ajuda".
Porque não ouvem sua sugestão que e a sugestão de quem conhece e acompanha a situação dos aposentados e implantam o ES 160x160, simples, fácil, imediato e pra todos

antonio americano do brasil borges disse...

Caro Dr.Medeiros,
Considerando que a recente decisão do STJ-RS sobre o seguro ouro vida em que o magistrado ao considerar: VIDE ABAIXO: "SEGURO DE VIDA. REAJUSTE POR
FAIXA ETÁRIA. ABUSIVIDADE. LIMITAÇÃO ÀS FAIXAS ETÁRIAS
SUPERIORES A 60 ANOS.
1. Abusividade da cláusula que estabelece fatores de aumento do
prêmio do seguro de acordo com a faixa etária, após o segurado
implementar 60 anos de idade e mais de 10 anos de vínculo
contratual.
2. Analogia com os contratos de plano de saúde (art. 15 da Lei
9.656/98)."
Veja a analogia com os PLANOS DE SAÚDE, vale também para a nossa CASSI?
E a CAPEC que desde a era SASSERON reajustou as mensalidades de forma abusiva, era decisão do STJ pode também nos ajudar a reverter os aumentos diferenciados?
Abraços
Antonio Americano
Goiania (GO)

Medeiros disse...

Como se constata as informações que eu recebo na Previ deixam a desejar.

Anônimo disse...

Grande Medeirao

Outro grande post. Você melhora a cada dia. Você nos representa de verdade. Diz o que está dentro de nós.

Ruben

Anônimo disse...

Baita decepção, linguajar de gaucho. Parabéns bravo Medeiros.

Anônimo disse...

Dr Medeiros,

Esse teu blog é fantástico. Sou teu fã incondicional. Ele vai continuar crescendo com essa qualidade. Ficou claro que chega de conversa mole. Queremos medidas concretas. O novo presidente precisa saber que junto com sorriso etapinha nas costas tem que atender as nossas demandas mais urgentes. Já passou tempo demais de sua posse e até agora nada. Chega.

Grupo de aposentados de São Paulo eleitor do Dr. Medeiros

Anônimo disse...

Dr.Medeiros,
O Sr. sempre fala o que é preciso.Ref. Es x Capec a Previ é claro que não estão querendo ajudar os associados mas querem encontrar uma forma de não ficar com o prejuizo mesmo tendo culpa pelo excesso de empréstimos que autorizou de forma ilegal.

Nei Vaucher disse...

Dr. Medeiros
Lamentável o gol sofrido pelo Inter no
ultimo minuto do jogo. Mas também podemos dizer que saiu barato. Os colombianos perderam uns 2 gols que até eu fazia. De dentro da pequena área.Acredito que o Inter vira o jogo , na próxima quarta feira.
Grande abraço e boa sorte.
Nei Vaucher.

Anônimo disse...

Uma boa sugestão seria liquidar as prestações mensais descontando mês a mês apenas o valor da prestação do ES na CAPEC.
Porque se o aposentado falece o saldo do ES é liquidado pelo seguro e a família resgatar o saldo remanescente disponível da CAPEC.
Desta forma ficamos livres do desconto em folha do ES.

Anônimo disse...

Uma boa sugestão seria liquidar as prestações mensais descontando mês a mês apenas o valor da prestação do ES na CAPEC.
Porque se o aposentado falece o saldo do ES é liquidado pelo seguro e a família resgatar o saldo remanescente disponível da CAPEC.
Desta forma ficamos livres do desconto em folha do ES.

Paulo Beno disse...

Outra grande postagem, Dr. Medeiros !

Parabéns pelo grande esforço que o Dr. faz, em benefício dos associados da Previ, principalmente aos aposentados e pensionistas do Plano 1.

Louvamos suas atitudes e desprendimento ao enfrentar grandes questões, que muito nos afligem (Cassi x BB, Marcel + contraft-cut. E.Simples e agora a cobrança da cesta-alimentação ( aqui três já pagaram R$ 40 mil, cada, judicialmente)

Realmente é muita decepção com nossos dirigentes e prepostos. Sua audiência com Dr. Guimarães (consultor jurídico) e Dr. Marcelo (Chefe da PRESI) realmente exige tomadas de providências urgentes e decisivas. Vamos aguardar a próxima rodada de negociações. Estamos confusos e amargurados com a cobrança voraz destas ações judiciais.
A cordialidade e o respeito devem recair nas proposições concretas, que tanto almejamos e precisamos.

Um abraço e parabéns !

VAMOS QUE VAMOS !!!!

Paulo Beno e Leda Goellner
Carazinho (RS)

Anônimo disse...

Medeiros, Qualquer que seja a decisão tomada sobre o ES, seja o ES CAPEC ou 180 x 180 de nada adiantará se não for retirada da margem consignável os emprestimos da cooperforte, Alfa cash, etc. Estou enganado? Algum colega tem uma explicação melhor? FAVOR POSTÁ-LA

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, reconheço o seu mérito. Muito obrigado!

jurandir waltrich disse...

Dr. Medeiros!

Gostaria de saber sua opinião, sobre um processo de cesta alimentação ai em Porto Alegre, conduzido pelo escritorio Baruffaldi advogados associados, esta ação foi julgada e condena a Previ a pagar a cesta em 1ª e 2ª instancias, inicio da ação 2008 e sentença em 2010 pelo TJRS, desde 2010, em fase de liquidação de sentença a Previ já entrou com vários recursos afim de protelar o pagamento. Já consultei o advogado e segundo ele não cabe mais recurso, a briga e por valores. Pergunto porque adiar mais o inevitável?
Jurandir Waltrich
Balneario Camboriu-SC

Anônimo disse...

Medeiros amado,

Amei o post. Amo esse blog.

Beijos mil

Carmen

Anônimo disse...

Acertaste na mosca, tchê. Permita que eu diga que junto com a decepção eu adiciono a indignação que cada vez mais aumenta. Parabéns cabra macho.

Anônimo disse...

Prezado Dr. Medeiros!

A fórmula 180x180 no ES permite que possamos liquidar outros empréstimos com o valor que sobrar na renovação. Assim, teremos aumento no valor líquido dos proventos.

Um abraço.

Rosalina de Souza disse...

Prezado Dr.Medeiros,

Esse novo presidente é mais um presidente a ocupar a cadeira no Palácio de Cristal,Mourisco.

Agora vem a informação de que a Previ aluga este espaço, quando todos nós achávamos que era dona do empreendimento.

A Previ compra vários empreendimentos para gerar receita e vive de aluguel, uma das propostas é então achar um imóvel mais barato para suas instalações,para que serve tanto glamour beira praia se nós participantes estamos morrendo a míngua, a beira da falência alimentar.

É mais um presidente enganador, com essa mudança de nome apenas CARAVANA DA ALEGRIA para REUNIÕES PRESENCIAIS, que serve apenas para plantar informações falsas, desonestas de que haveria estudos em fase avançada para uso da CAPEC.

Nunca fui e nem perco meu tempo ouvindo mentiras e enganação desta gente que cumpre a risca as ordens do BB-GOVERNO-CONTRAF CUT.

Agora vão te enrolar com essa de mais e mais reuniões,quem sabe vão te propor um "GT" GRUPO DE ESTUDOS para resolver as questões do ES.

Mais uma das tantas maléficas decisões desta Diretoria lotada de incompetentes ( ELEITOS E INDICADOS) para mim todos estão vendidos.

Agora mais um BODE NA SALA a eterna briga entre CECÍLIA E MARCEL que nada produz de novidades aos participantes do PB-1.

E HAJA PACIÊNCIA, E MAIS PACIÊNCIA,

Atenciosamente

Rosalina de Souza
Pensionista
Matricula 18.161.320-4

José Humberto disse...

Medeiros, boa tarde. Continue assim! Nós confiamos em você!

João Lopes Rodrigues disse...

Srs!

A Cassi é a "Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil"! E precisa continuar sendo! Para tanto, não se pode falar em "separar" Cassi e BB.

Se existe hoje alguma "deficiência" em relação à saúde da Cassi, certamente a mesma advém de uma má gestão. A Cassi é um excelente plano de saúde, em comparação com os demais, e precisa aperfeiçoar sua qualidade, a fim de se manter forte no mercado.

Concordo com o texto quando afirma que há uma necessidade de "gestão" na Cassi. Não há que se falar em "alterar estatutos, regulamentos, normas". Há que se falar em dar uma nova gestão à Cassi, otimizando sua prática.

Separar Cassi e BB é o mesmo que decretar a morte daquela lentamente; e tirar deste sua parcela de responsabilidade na condução do plano de saúde de seus funcionários, quer sejam da ativa ou aposentados e pensionistas.

Assim sendo, NÃO a qualquer tentativa de "divisão" entre Cassi e BB. Este precisa ser "responsável" pela segurança na saúde de seus funcionários, considerando que a Cassi ainda é um dos maiores atrativos para a admissão de novos funcionários.

Era isso!

Anônimo disse...

Prezado Medeiros,
Um colega mostrou-se interessado em adquirir o seu livro"No olho do Furacao"...Como fazer para adquiri-lo?

Anônimo disse...

Para deixar o otimista Dr. Medeiros decepcionado é porque realmente tudo esta fora dos eixos.

Analogia que faço entre nossa relação com a PREVI e a fala do Primeiro-Ministro Sir Winston Churchill.

Estava o mesmo discursando no Parlamento -- e detestava ser interrompido, quando recebeu aparte de uma deputada que, em altos brados disse-lhe: "Se o senhor fosse meu marido eu colocaria veneno em seu café".
Sir Winston Churchill calmamente, com toda a fleuma britânica, tirou o óculos e respondeu-lhe:
"Se eu fosse seu marido eu o tomaria".

Precisamos na PREVI urgentemente de pessoas da estatura de Sir Winston Churchill.

Que tal o Dr. Medeiros apresentar-se em 2016 como candidato na eleição para a Diretoria de Seguridade?

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, eu bem que avisei.
As 3 coisas que o Gueitiro vai distribuir são:

- Sorrisos
- Abraços
- Tapinha nas costas

E nada mais.....

ALBANO disse...

ES garantia CAPEC, ES 160X160, ES 180 x 180, nada disso adianta com o custo "escorchantes" de juros sobre juros.
Enquanto a política de juros for essa, só vai aumentar o endividamento e o desespero dos "tomadores"
Devemos lutar por juros dentro da legalidade e em patamares que não sejam exploratórios.
Devemos lutar pelo fim da Parcela Previ e pelo fim das contribuições à partir da 361ª
CHEGA DE AGIOTAGEM!
CHEGA DE EXPLORAÇÃO!
CHEGA DE GANÂNCIA!

Anônimo disse...

MEDERÃO CABRA MACHO DE URUGUAIANA E FRONTEIRA, DECEPÇÃO NÃO MATA, ENSINA A VIVER.

AGORA METE O PORRETE NO PRESIDENTE E SOLTA A BOMBA.

CASSI: ESTA NA UTI

PREVI: BILIONÁRIA E PAGANDO ALUGUEL, SEM TETO, ALIAS LITERALMENTE SEM TETO.

ES-CAPEC: BODE NA SALA, FALARAM PARA ACALMAR OS PARTICIPANTES DA REUNIÃO DE GOIÂNIA, PREVENDO OVOS E TOMATES PODRES.

CECÍLIA X MARCEL: BRIGA DE LONGA DATA DESTE A POSSE DOS NOVOS ELEITOS DA EXTINTA CHAPA 3 OU ELEITOS INDEPENDENTES COMO GOSTAM DE SE INTITULAR.

PROPOSTA DA AAFBB-RS ATÉ HOJE SEM RESPOSTA CONCRETA

160 PARCELAS E 160 MIL DE LIMITE EM 2015

180 PARCELAS E 180 MIL DE LIMITE EM 2016

SEM FORMULAS MAGICAS E SEM DISCRIMINAÇÃO COM OS MAIS IDOSOS

ELEIÇÕES 2016: SER CANDIDATO A DIRETORIA DE SEGURIDADE.

APOIOS: BUSCAR JÁ NOVOS APOIOS E FORTALECER AS BASES PARA AS FUTURAS BATALHAS

COMUNICAÇÃO: DEMITIR O ATUAL OCUPANTE DO CARGO, POIS O TEMPO SÓ TEM MOSTRADO QUE A COMUNICAÇÃO DA PREVI É SEU CALCANHAR DE A QUILIS, COM FALTA DE COMUNICAÇÃO E MUITAS MENTIRAS.

SÓ SAI EM DEFESA DA PREVI QUANDO É ATACADA EM JORNAIS DE GRANDE REPERCUSSÃO.

CPI DOS FUNDOS DE PENSÃO: PEDIR A DESTITUIÇÃO DA ATUAL DIRETORIA E PEDIR A INTERVENÇÃO DO NOSSO FUNDO DE PENSÃO, POIS ESTA PROVADO QUE A PREVI ESTA INDO PARA UM BECO SEM SAÍDA, E NO CURTO PRAZO ESTAREMOS MORRENDO A MINGUÁ, POIS OS DIRIGENTES ESTÃO SOBRE O MANTO DA MA GESTÃO DOS NOSSOS ATIVOS.

COM A PALAVRA O MESTRE DOS MESTRES QUE SABE DAS COISAS MESMO ANTES DELAS ACONTECEREM.

JOÃO DE BARRO, DAQUI A POUCO JOÃO DEBAIXO DOS 7 PALMOS,POIS NÃO SEI SE AGUENTO O TRANCO COM TANTA BARBARIDADE ACONTECENDO AO NOSSO MUNDO DO BB, EX APOSENTADO, AGORA PÓS LABORAL.

Anônimo disse...

Prezado Dr Medeiros ( futuro Diretor de Seguridade ) coloque na reunião a humilhação que é ficarmos desesperados por um ES ( a que ponto chegamos ...) por favor coloque para os membros que chega de reuniões para se discutir e discutir e discutir , a hora de se fazer algo real é agora . nos traga um belo Bingo e Boa viagem !!!

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

É verdade que japonês escreve ao contrário? De trás para frente?
Então quando fala que somos donos da Previ devemos entender que nada nos pertence na visão nipônica?
É mais ou menos isso? Ou não?

Quando era bem pequeno meus amigos diziam que se fincássemos um prego no chão espetaria um japonês pq o Japão ficava embaixo do chão.
Agora já velho fui descobrir que é o japonês quem nos espeta. Ó mundo cruel!

Mariano Branquinho disse...

Dr. Medeiros, diante de tantas ameaças e fatos concretos, CASSI, PREVI, BB, pergunto-lhe se aquela Ação "Protesto Judicial de Ressalva de Direitos", da qual eu faço parte, nos protege de algum modo. Desde já agradeço a atenção dispensada. Sds Mariano Branquinho

PS. Sucesso na reunião de hoje, e continue lutando pelo ES 160-160-2015 e 180-180-2016.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Eu gostaria que atrelassem Capec como garantia para contratação de um novo ES.


Um abraço

Jair Mário Bork disse...

E essa agora,de que, sem alarde e na surdina, a PREVI, FUNCEF e PETROS assumiram o controle acionário da VALE, com 52,50% do capital votante.
Será que foi um bom negócio? Até agora, sem interferência do Governo, a VALE era uma das mineradoras mais rentáveis do mundo. Vejamos daqui pra frente.

Anônimo disse...

Ao anônimo das 21:04 hs (21/05)

O japonês não lê de trás pra frente, mas sim de cima para baixo e da direita para a esquerda.
O texto começa na primeira coluna da direita, então é lido de cima para baixo, passando para a coluna seguinte(à esquerda) e assim por diante.

Essa é a forma para se ler o idioma japonês, que usa símbolos(ideogramas) ao invés de letras.

Abçs

Anônimo disse...

leiam o jornal: Diário do Poder
Título: "Governo retomou a Vale"

Impressionante! Estão mesmo mexendo com nosso fundo de pensão!!!!!!

Anônimo disse...

22 DE MAIO DE 2015
GOVERNO RETOMA O CONTROLE DOS BILHÕES DA VALE
Sem alarde e utilizando de artifícios marotos, o governo retomou o controle da Cia Vale do Rio Doce, privatizada em 1997. Os fundos de pensão Previ (do Banco do Brasil), Funcef (Caixa) e Petros (Petrobras), além do BNDESpar, controlados pelo Planalto, somam agora 52,5% da mineradora. Isso garante à “cumpanherada” proximidade dos negócios bilionários da Vale. Sem licitações, sem TCU e sem MPF por perto.

EMPRESA LARANJA
Para disfarçar os investimentos na Vale, os fundos criaram uma empresa, Litel, da qual a Previ tem 78,4% das ações.

PÉS FRIOS
Após retomada da empresa, uma das mais rentáveis do mundo, a Vale viu agravada a crise da desvalorização do minério de ferro.

DISFARÇA, DISFARÇA
Para assumir o controle da Vale, os fundos investiram mais do que a lei autoriza, e agora tentam “desenquadramento” para fugir da ilegalidade.

FECHANDO OS OLHOS
O ministro Carlos Gabas (Previdência) pressiona a Previc, que fiscaliza fundos de pensão, a “buscar uma solução” para não puni-los.

Fonte: www.diariodopoder.com.br

Anônimo disse...

Quando vai sair a noticia oficial do ES vinculado a CAPEC? QUANDO?

Anônimo disse...

Esse anônimo das 18:01 quer fugir do assunto da retomada da Vale. Kkkk Querem deixar todo mundo distraído com esse assunto de ES.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Acho que decepção pode ser o termo adequado para o senhor mas não para mim.

Em nenhum momento ou circunstância esperei algo de positivo depois que os petistas assumiram o governo.

E o pior de tudo Dr. Medeiros com o nosso aval.

Digo nosso porque na época, apesar de nunca ter votado no Lula ou no PT, eu era funcionário da ativa, pertencia ao contingente do Banco do Brasil, visto que quase 100% dos funcionários votaram e fizeram campanha a favor do Lula, em 2001. Criamos uma cobra.

Deu no que deu. Não temos nada a reclamar, podemos apenas lamentar tamanho engano, talvez devido a falta de informação dos colegas ou de nossa alienação total.

Não podemos esperar nada de benéfico desse governo.

A população que o diga.

Estamos, também, pagando pelo mesmo erro e mais além pagando pela incompetência, desmando e pelo objetivo de que só o poder interessa, idealizado pela política ideológica dos petistas.

Vejam os órgãos ligados ao funcionalismo do Banco( Previ, Cassi, associações de aposentados) são quase todos administrados pelos que estão a serviço do governo e o que podemos esperar de tudo isso.

Não, Dr. Medeiros para mim não há decepção mas uma realidade nua e crua que nos sufoca, que não nos deixa respirar, que nos arrebata aquilo que construímos com o suor do nosso trabalho, que a gente vê escorrendo pelos dedos da mão e não temos como segurar.

Por que dar crédito a todo personagem novo que sai do mesmo meio.

Trocar 6 por meia dúzia, trazendo novas estratégias, novo modus operandi, para iludir os incautos.

Temos que dar um basta neste estado de coisa.

Nossos lideres deveriam reunir, não sob a égide de alguma associação, mas sim com uma plêiade, pessoas capazes liderar um movimento que nos levem a traçar um plano de ação, uma estratégia que realmente funcione, e não apenas ficar na retórica que até hoje temos visto, sem nenhuma ação positiva.

Boa sorte a todos.

luiz carlos disse...

REVENDA DE SEGURO DE VIDA VIRA MERCADO BILIONARIO NOS ESTADOS UNIDOS.

São chamados de "Bônus da morte"

É simples, lá nos EEUU o segurado leva a sua apólice na instituição e é feita a sua expectativa de vida e outros ítens e a sua cobertura é antecipada mediante um desconto.

No Brasil parece que esse possibilidade é proibida.

É interessante ler o link do estadao:

luiz carlos disse...

link do estadão sobre o "bonus da morte":

http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,revenda-de-seguro-de-vida-vira-mercado-bilionario-nos-eua,60731

Anônimo disse...

Sou associado e gostaria de ver as entidades trabalhando por melhorias financeiras.
Briguinha de diretores, críticas ao governo, dança das cadeiras... assuntos sem resultados.

O presidente da Previ pediu 90 dias. Quando passarem esses 90 dias já estaremos no 2º semestre e as pequenas melhorias anuais no ES já acontecerão independentemente de negociação.

Por que não o reajuste semestral dos benefícios?

Acordem!!! A gente paga mensalidade para sermos bem representados.

Anônimo disse...

JAir Mário Bork, boa noite prezado. Gostaria de saber se o ÉS que voce se referiu no post anterior foi reajustado o saldo devedor, pois, fiquei bastante preocupado com o saldo e a nova prestacao do meu. No post anterior eu falei que tomei RS 135 mil paguei RS 21 mil, estou pagando mais de RS-2 mil e o saldo devedor passou para RS 135

Anônimo disse...

Meu Deus... me ajuda!

Saúde Sr. Medeiros.

Jair Mário Bork disse...

Ao Anonimo das 21.05:

No meu caso, após um ano foi reajustada a prestação, mais ou menos em 6% que foi a inflação acumulada. Quanto aos saldo devedor, ele tem sofrido uma redução mes a mes, equivalente ao valor da prestação menos os juros. Os juros, no caso, são a variação do INPC. O teu caso, realmente,é muito estranho.

Anônimo disse...

A PREVI FUNDO FEITO PELOS FUNCION ARIOS E AGORA QUER SER UM BANCO PARA SEUS CRIADORES,
FAZER EMPRESTIMO TENDO COMO CAUÇAO O SEGURO DA PREVI EH SIMPLESMENTE UMA VERGONHA. PORQUE O PRESIDENTE NAO OLHA ISSO, TER COMO GARANTIA O SEGURO DE VIDA PARA AS VIUVAS VAI DAR PROCESSO.
ORA A PREVI TA PUCO LIGANDO PARA SEUS SOCIOS AFINAL NO APAGAR DAS LUZES O BB FICA COM TUDO. O PRESIDENTE APLICA NA SAUIPE NA BOLSA E PERDE AI NOS NOS LASCAMOS AGORA QUEREM FAZER EMPRESTIMO VINCULADO A SEGUROS ISSO É IMORAL.

JOEL

Anônimo disse...

Colegas,

Sobre a elevação expressiva do saldo devedor do ES, comparativamente ao valor devido 12 meses atrás, basta observar o acirramento do índice nos últimos meses.
Vejam que em janeiro, fevereiro e março ultrapassou a 1% em cada mês.
Então as prestações cobradas nesses meses não devem ter efetuado a amortização integral do que era devido.
Resultado: apesar dos pagamentos, ao final do período o saldo devedor é superior ao do primeiro mês.

Mês
Valor
Acumulado Ano
Acumulado 12 meses

abr/2015 0,71 4,9400 8,3400
mar/2015 1,51 4,2000 8,4100
fev/2015 1,16 2,6500 7,6700
jan/2015 1,48 1,4800 7,1200
dez/2014 0,62 6,2200 6,2200
nov/2014 0,53 5,5700 6,3300
out/2014 0,38 5,0171 6,3444
set/2014 0,49 4,6196 6,5881
ago/2014 0,18 3,9743 6,2167
jul/2014 0,13 3,9224 6,3335
jun/2014 0,26 3,7874 6,0574
mai/2014 0,60 3,5183 6,0786

Fonte: IBGE

Elenita disse...

Li no blog da Cecilia Garcez o seguinte comentário sobre o aluguel do prédio do Mourisco:

Blogger Cecilia Garcez disse...

Caro colega Fernando,
Apesar dos andares que funcionam a Previ são próprios, é registrado o valor do aluguel. Em tese, a Previ paga o aluguel para o Plano 1, dona de parte do imóvel.

23 de maio de 2015 12:46

Achei interessante postar aqui.