ELEIÇÕES PARA CASSI E PREVI

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Começam a aparecer nos blogs comentários a respeito das próximas - muito próximas - eleições para a CASSI e PREVI, chamando atenção para a necessidade de se formar chapas de oposição fortes, com a finalidade de enfrentar a chapa oficial do BB/Governo/Contraf/Cut.

Para mim esse movimento de arregimentação e de mobilização já está começando muito tarde. O prazo para inscrição de chapas para a CASSI termina daqui há quinze dias, no final deste mes.  E até agora ainda não transpirou nenhuma chapa de oposição. Ao menos que me chegasse ao conhecimento.

Esse atraso no fechamento de nomes e de grupos é que tem nos prejudicado nas últimas eleições, propiciando o aparecimento de várias chapas de oposição, que tiram os votos umas das outras, enquanto a chapa oficial vem poderosa e prometendo o que não pode cumprir.

A unidade da oposição, embora difícil, é possível.  Convocado para essa missão pela Daisy Sacc e pelo Sandyr Schuster estou trabalhando nesse sentido.  Uma tarefa gigantesca pois os caprichos e sensibilidades das lideranças dos diversos grupos são intensos.  Só não desisto porque sou teimoso, mas tenho amargado muitas decepções. O tempo, porém, é escasso. Temo não concluir com êxito minha missão. Estou gastando uma fortuna em telefonemas.

Perguntam-me com frequência se sou candidato.  Respondo que não.  Se depender de minha vontade não gostaria de disputar a eleição.  Dá trabalho, dá incomodação, dá preocupação.  Imagino que , para a Previ, será uma eleição desgastante, pois certamente a campanha da oposição irá denunciar irregularidades e distorções acontecidas no fundo. Não deve ser uma campanha morna como nas anteriores. Deve ser caliente.

Entretanto, se necessário, para compor chapas, para aglutinar correntes, e especialmente para conquistar votos vencedores, não posso recusar convites e convocações, desde que não sejam para o conselho fiscal, onde o trabalho espinhoso e árduo exige pessoas mais jovens e atualizadas em normas contábeis. Estou consciente que esse é um dever de cidadania nas atuais circunstâncias. Como já falei na vez passada, onde fui deixado fora, contento-me em contribuir como suplente do conselho deliberativo.

Trago para somar com a chapa de oposição que irei apoiar um contingente eleitoral importante.  Além do quadro social da AFABB RS, o blog do Medeiros cresceu muito ultimamente. As visualizações diárias andam na casa dos 20.000 acessos e os comentários cresceram bastante, além dos seguidores, que ultrapassaram 525. O blog hoje tem alcance nacional. Recebo cerca de 200 emails diários.

Mas urge que os contatos e as reuniões se intensifiquem, especialmente entre nós, aposentados e pensionistas, e o pessoal da ativa, que será determinante no resultado das eleições.

Não vejo outra medida mais importante para nós neste momento do que batalhar por uma vitória eleitoral.  Sou dos que acreditam que, embora o voto de minerva e o aparelhamento estatal, é possível resistir e conquistar posições na PREVI.  Em meu livro eu menciono isso.

Nunca antes na história da PREVI tivemos tantas oportunidades para vencer uma eleição. Temos a nosso favor a suspensão prematura do BET, o retorno das contribuições, a cobrança das liminares da cesta alimentação, o teto de 45.000, os investimentos equivocados, despesas supérfluas, comunicação inadequada, falta de transparência,e muita coisa mais.

Não vou mais me manifestar aqui no blog sobre esse assunto, pois sei dos interesses em jogo. Apenas quis deixar bem clara a minha posição.  Agradeço a compreensão dos prezados colegas e também agradeço, do fundo do coração, algumas manifestações de apoio que muito me sensibilizaram e que são um estímulo para a luta que empreendo neste blog por dias melhores.




81 comentários:

Russel Furtado disse...

Alô Grande Medeiros:

Apesar de, ultimamente, pouco participar do blog, visualizo o mesmo várias vezes ao dia. Acredito que seja a mesma postura de centenas de aposentados.Creio que existe um grande público de associados que estão antenados e estão convictos que a luta passa por mudanças estruturais(conquistar cargos na diretoria da previ;repúdio total a Resolução 26/2008;combate mortal ao imoral aumento de aposentadorias estatutárias, etc.).Para compor uma chapa teríamos que tentar compor com entidade sindical de oposição. Entre os aposentados, temos VOCÊ,
Luiz Dalton, Rossi,Tollendal,Aristophanes,Ruy Brito,Ebenezer,Marcos Cordeiro. Seria uma plêiade e com sutileza para afastar eventuais "papagaios de pirata.

Russel Furtado

Anônimo disse...

Parabéns dr. Medeiros pela sua posição clara, honesta, séria, perante as eleições.

O doutor conta com o meu apoio e de diversos colegas aqui de Teresina-PI

Ricardo

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Aqui do Rio Grande do Norte, terra do seu avô, de Caicó, o doutor também conta com um grande contingente eleitoral.

Vamos que vamos .

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Quem lhe deixar de fora desta eleição para a PREVI ou é mal intencionado ou está mal da cabeça. O doutor ressurgiu como o grande líder da oposição, junto com outros abnegados colegas, como o Ruy Brito, Faracco, Bonfim, Ebenezer, Daisy, e tantos outros.

Medeiros disse...

Querido Russel Furtado,

Saudades de você. Lembranças boas do peladaço na Previ. Obrigado pelo apoio e pelas palavras. Ando sentimental. Me fez um bem danado teu comentário.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,
A unidade dessa vez se não for construída será um desastre.
Sem alarde, muitos vão passar por apuros.
A próxima briga será com a CASSI que não diz a origem da có-participação limitada que para mim é ilimitada.
Vejam o espelho da PREVI (além de queda coice).
Quem é doente tá fodido. Não tem condições de trabalhar e o custo financeiro dos empréstimos come e bebe junto.
Se devolveram superávit. Pensem no que vem na frente...
A PREVI é fundo de investimento e a CASSI com a retirada do BET se lascou. E O BB mantendo ativos em cima de nós. E haja participação ilimitada!!!!!
Estamos no córrego.
Zewelto.

Anônimo disse...

Meu voto é seu.

Anônimo disse...

Bravos Medeirão,

Voce foi no centro do problema. No foco principal. O jogo deles é desviar nossa atenção das eleições, discutir o Bet, medidas paliativas como ES, ORPAG, cAPEC. o QUE ESTÁ EM JOGO AGORA SÃO AS ELEIÇÕES.

MEDEIROS VOCE NÃO FOGE À LUTA E SEU DISCURSO CORAJOSO NA PREVI É O MAIOR ATRIBUTO PARA SUA ELEIÇÃO.

OBRIGADO

Anônimo disse...

Grupo de colegas de Joinville estão com Medeiros.

Carlos

Anônimo disse...

Colegas,
Providências urgem ! Vamos organizar um movimento sem trégua até elegermos nossos representantes. Fica assim: o Dr. Medeiros monta a sua equipe e nós trabalhamos sem parar.
É só convocar ! Topamos qualquer parada.

Abraços

Anônimo disse...

Já saiu o espelho de janeiro. Um horror.

Com esse espelho não tem chapa da contraf /cut que se eleja desta vez.

Quando eles vieram apresentar os resultados do exercício vamos fazer aviãozinho com esses espelhos e jogar nos diretores.

Medeiros que bom que voce aceita se candidatar. Voce tem sido coerente a vida toda. Merece nosso voto.

luiz fernando disse...

Dr.Medeiros

Aqui em Sorocaba (SP) somos mais de 200 aposentados. Nenhum voto irá para a situacao.
Abr.: Luiz Fernando

João Rossi Neto disse...

Colegas,

Tal é a minha confiança no companheiro Medeiros, pela sua lealdade, retidão de conduta, experiência, capacidade técnica e honestidade, que se ele pular do 10º andar de um prédio, eu pulo atrás.
Assim, voto com absoluta certeza e tranquilidade no Medeiros para assumir qualquer cargo na PREVI, sabendo de antemão que, caso ele vá para o Mourisco é para mostrar um trabalho sério e, sobretudo, fazer oposição sistemática contra as decisões que ferirem os nossos direitos e interesses, sem falsas promessas, porquanto ninguém, em sã consciência, honestamente, pode prometer coisa alguma pela falta de autonomia para realizar. Portanto, não se deixem enganar pelos espertos, aproveitadores e vendedores de ilusões, que prometem o céu e a terra e nada fazem de concreto.Não acreditem em propostas mirabolantes.

Anônimo disse...


Dr. Medeiros

Apesar dos meus problemas de saúde,aqui em minha Cidade vou fazer campanha para o senhor.

n disse...

Caro Dr. Medeiros,
A ação pública impetrada por várias associações, se lograr êxito valerá para todos os associados da PREVI?
Faço parte da AFAGO, que infelizmente nunca nem tocou nesse assunto.
Abraços
Antonio americano
Goiania (GO)

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,
Urge montar a chapa para a CASSI. É a prévia para a PREVI.
Depois de aposentado não mais votei em razão da desilusão.
Mas dessa vez, mesmo com a minha deficiência, tenho que encontrar forças para defender a PREVI e a CASSI.
O BB acho que não tem mais jeito (caso perdido), porque o conceito de banco não mais existe, falo de confiança. E o BB faz parte do conjunto (Sistema Financeiro Mundial).
A candidatura de uma chapa bem costurada de aposentados sairá vitoriosa. Com certeza.
Não esqueçam que os colegas da ativa enfrentam um ambiente de pressão e tortura. Eles podem e devem fortalecer a nossa vitória. O foco é centrar energia nas senzalas de SP, MG, RJ , BA e Brasília. Os demais estados vêma reboque.
Tenho coragem de gravar depoimento do meu caso (vídeo) para denunciar os desmandos do banco.
E demonstrar que a previ não agiu com lisura na minha aposentadoria. Optou por não receber o que lhe pertence do banco. Mesmo tendo formação jurídica e conhecedor do direito previdenciário, fiz opção por sair perdendo. Em razão de que uma demanda judicial poderia aguçar a depressão que venho administrando desde 2005.
Mas dessa vez vou à luta.
Se possível gostaria de no e-mail passasse seu telefone fixo.
Zewelto (josewelto@uol.com.br)

antonio americano do brasil borges disse...

Caro Dr. Medeiros,
A ação civil pública, logrando êxito beneficiará a todos os associados da PREVI ou somente os ligados às associações impetrantes?
Faço parte da AFAGO de Goiás, que infelizmente nunca se manifestou sobre esse assunto.
O brigado
Saudações
ANTONIO AMERICANO DO BRASIL BORGES
GOIANIA (GO)

luiz carlos disse...

Caro Dr Medeiros e demais participantes,

Aquele jogo contábil para aumentar o lucro da Caixa Economica e, consequentemente, aumentar o repasse de dividendos para o governo, - refiro-me ao encerramento de milhares de contas a "credito" de receitas -aina continua dando o que falar. Na coluna de hoje do Sr. Cláudio Humberto o assunto repercute. Mesmo com o seu escasso tempo, porém, já com uma manifestção sua publicada naquela coluna, pediria ao Sr. fazer uma menção à contabilizaçao pelo BB dos 7,5 bilhões da Previ. Creio que a finalidade do banco foi a mesma da Caixa: fingir muito lucro para o Tesouro cobrir suas contas.
Por favor, analise a sugestão.

Anônimo disse...

Dr.Medeiros,
Contamos com sua candidatura para a Previ. O Sr. e o Rossi precisam ser eleitos.

Luiz Afonso Miguel disse...

Como aposentado e ex-advogado do BB coloco-me a disposição para juntos abraçarmos essa luta e tirarmos da Previ esses "papagaios de pirata", nos quais tive o desprazer de votar e me decepcionar como todos!

torbes marcius nobrega gambarra disse...

Dedico esta musica a toda a Diretoria da Previ, principalmente aos Diretores eleitos por nós: http://www.youtube.com/watch?v=R7xRtSUunEY

Medeiros disse...

A ação civil pública, agora já melhorada em sua inicial com as sugestões recebidas, valerá para todas se vitoriosa.

João Rossi Neto,

Eu falei que ando sentimental ultimamente. Seu comentário arrancou lágrimas. Muito obrigado. Como disse andava precisando desse carinho.

Julita disse...

Dr Medeiros pode contar com o meu voto!!!

Anônimo disse...

Caro Dr. Medeiros,
Se o apoio de um anônimo valer, tens o meu.
Leio o seu blog de longa data, o suficiente para firmar convicção sobre o seu caráter, que o credencia para tal mister.
Abçs.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,
Quanto à ACP foi protocolizada? Ou aditaram com os argumentos do Decano Celso de melo?
Gentileza divulgar a nova inicial.
Uma contribuição que se poderia dar era divulgar uma inicial (petição)- ação cominatória - em que a PREVI fosse obrigada a acatar outro banco para pagamento dos benefícios.
Os fundamentos jurídicos estão no CDC Seção II - Das Cláusulas Abusivas. art. 51, IV e + 1º, III.
E cabe ingressar no JEC . USerá uma maneira de pressionar a PREVI uma vez que gastará muito com advogados. E com certeza perderá a causa. E deixará o BB de joelho.
Se bem que esses dirigentes (BB e PREVI dão a mínima para custos).
Temos que demonstrar nossa força. É o meu alvitre.
ZEWELTO

Anônimo disse...

Mederão Cabra Bom Caráter,

Sua honradez é além de indubitável, nossa esperança.
Capacitado, honrado, honesto, sério, competente, cumpridor da palavra, não venal, solidário, e milhões de etc positivas. Contamos contigo

Saúde e paz

Natal disse...

Doutor Medeiros, são muitos os que confiam em V. Exa. Não se exima de coordenar uma chapa que represente nossos reais interesses.Temos gente competentíssimas, mas também tímidas honestas,não chegadas à política.Por isto, somos tratados como "lixo" pela Previ, BB e...Deixemos este medo, "HUMILDADE"...pra lá e Vamo que Vamo.

Anônimo disse...

Colegas,

O Senhores tem nomes maravilhosos, que estão fora grupelhos, para os cargos da CASSI e da PREVI:

João Rossi
Medeiros
Rui Brito
EDGARDO REGO
Cordeiro
De Bem
Aristophanes
Tollendal
Quirivino
Norton Seng
Gilvan
e tantos outros, não cabresteados pela situação vigente há muitíssimos anos.

Anônimo disse...

o espelho estah disponivel.parece q sempre pode piorar...........um horror.

Anônimo disse...

Sou anônimo, porque o voto é secreto. Voto no Dr. RSRSRSRSRS

Anônimo disse...

Manda ver Medeiros, a chapa que vc cravar tanto para a Cassi como para a Previ eu vou votar, e, se puder, vou pedir para amigos que moram aqui em Baln Camboriu para votarem.

Anônimo disse...

Prezado Medeiros,
Em pleno mês de reajuste, recebo $ 1.000,00 a MENOS////////// Isso clama aos ceus// Meu voto é todo seu.

Felipe Osório da Silveira disse...

Saiu contracheque de janeiro, que triste ver o valor liquido e margem consignavel negativa.

José Humberto disse...

Prezado Medeiros, boa tarde. Depois que passei a seguí-lo em seu blog tomei novo ânimo com respeito à participação em ações que visem reconduzir nossas Instituições - CASSI e PREVI, às suas verdadeiras finalidades; passei a admirá-lo e acredito em você. Aqui em Uberaba já estou trabalhando para você. Um grande abraço.

djpga disse...

Não esqueçam que teremos também eleições presidenciais, e acredito que se o PT continuar no poder, pouco ou nada poderemos fazer, mesmo tirando os "papagaios de pirata". Medeiros, pode contar meu apoio.

Anônimo disse...

Emérito Mestre MEDEIROS:


O Sr. tem de ser o candidato na PREVI. A CASSI é mais fácil de ser vigiada/cobrada, pois nós do PB1 (creio que a maioria), necessite bastante dela. O "furo mortal" está nessa inconsequente PREVI.

Anônimo disse...

Mais uma vez estou de acordo com o Dr. Medeiros. Estive analisando o último pleito na Previ e penso que seria muito bom se as chapas 2 (ARNALDO - tb tem força junto aos aposentados), a chapa 3 (AMIR - forte entre o pessoal da ativa)e a nossa chapa 5 SEMENTE DA UNIÃO com o Luiz Daltom (a chapa mostrou ser muito forte entre os aposentados), se unissem para conquistarmos a vitória e começarmos a dar mais transparência à gestão na Previ.

mesquitasantana disse...

Prezado Dr. Medeiros.

Faço coro com o João Rossi Neto meu caro, com uma pequena mudança. Você não precisa pular do 10º andar, é só mandar que eu pulo.

abraços
Eusebio

Anônimo disse...

Meu voto para a PREVI será contra quem está entregando parte de nosso patrimonio ( e muitos de nós ainda vivos) para o Banco do Brasil. Fui e serei, sempre, contra qualquer participação do banco em eventuais superávits NOSSOS. Votarei em voce , Medeiros, e na Cecilia Garcez , ou em qualquer chapa apoiada por voces. Voces nos manteem informados e teem batalhado em beneficio dos associados da PREVI. Oscar A. Bach Jr

fernando disse...

Dr Medeiros, ou estou enganado ou foi muito pouco publicado essas eleições , tanto pela PREVI como a CASSI. Coincidencia, ou é para não alarmar os gansos.

antonio americano do brasil borges disse...

Obrigado pelo esclarecimento, conte conosco nas próximas eleições.
Abraços fraternal
Antonio Americano
Goiania (GO)

Anônimo disse...

Dr. Medeiros
Saude

Eh difícil, mas concordo plenamente com o colega
Luiz Carlos da 11,37. Simular lucros ou tapar buracos vem acontecendo não so na Previ e
BB.
Quanto a Cassi faz tempo comentei sua tendência a
desligar aparelhos (Revista Cassi)
Que ao menos tivessem o funcio-
nario que libera senhas 24 horas
ininterruptas e não somente após as 8 horas. fazendo os hospitais
mandarem doentes para casa.
Dr. Medeiros!.. tu es O CARA. Se isto te faz chorar
chore a vontade. As admirações
conquistadas te dao este direito
Abrs.
Mario

Anônimo disse...

Já está na hora de fazermos um rolezinho na porta da Previ. Vamos organizar Dr. Medeiros.

Anônimo disse...

Medeiros, Daisy, Rossi, Cecilia Garcez, são nomes que não podem estar de fora numa chapa para a PREVI. Temos um contingente grande de bons nomes, mas estes são conhecidos, admirados e confiáveis. UNIÃO em torno deles moçada!

claudia do rio

mariano branquinho disse...

Meus colegas, aposentados, pensionistas, da ativa, vamos eleger quem nos defende. A Semente da União está demorando muito em lançar a chapa para concorrer a Cassi e para a PREVI, meus DEUS porque esperar tanto. Vamos lembrar da eleição da AAFBB, que não nos deixaram concorrermos. Pelo amor de DEUS lancem logo essas chapa da oposição. Não aguentamos mais. Mariano Branquinho

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, tô com você e não abro, mas precisamos ser rápidos, pois o tempo é curto. Alguém tem que tomar a iniciativa de lançar as chapas, Cassi e Previ. Quem sabe "uma" das nossas associações? E...vamos que vamos.

mariano branquinho disse...

Dr. Medeiros, conte conosco, aqui na Paraíba, vou lutar, corpo a corpo pela sua chapa (nossa) de pessoas que querem o bem dos aposentados e pensionistas.Mariano Branquinho

socorro sousa disse...

Dr. Medeiros
Conte com meu voto nas chapas organizadas pelo Sr. (Cassi e Previ)
E também de meus contatos.
Socorro Sousa - Belém PA

Anônimo disse...

O câncer da Previ é o voto de Minerva. Teria que ser extinto, pois a Previ é dos FUNCIONÁRIOS do Banco do Brasil e não do Banco do Brasil S.A. Seu presidente e diretores são subservientes ao pt e ao BB, nem atendem mais aos nossos telefonemas, por incrível que pareça. Perderam todo o pudor e a vergonha, se é que já tiveram algum dia.

Anônimo disse...

Muito obrigado dr Medeiros, o senhor é a luz que ainda nos resta. Agradeço também pela melhoria da Inicial. O sr é sábio porque ouve. Não vamos dar chance pro azar! Além de idoso, como quase todos que andam por aqui, sou portador de doença grave e ainda, deficiente físico. Todavia, ainda assim, farei das tripas coração para angariar votos em favor de sua eleição e de outros abnegados defensores de nossas causas. É chegada a hora. Vamos que vamos!!! Obrigado também o digno e ilustre João Rossi!!!

Medeiros disse...

Caríssimos colegas,

Como já disse ando meio fragilizado emocionalmente por andar tratando de um glaucoma que apareceu no olho direito há cerca de um mes, perturbando um pouco a minha vida, eu que não estou acostumado a lidar com problemas de saúde e tenho pavor de exames. Hoje tinha consulta médica e novos exames para fazer. Estou de volta mais animado, parece que o problema será superado sem cirurgia, e deparo com essa enorme manifestação de apoio e de carinho, inclusive de colegas que me são caros e são importantes em nosso contexto. Acho que já fiquei curado só por essa corrente maravilhosa. Não sei como agradecer a não ser prometendo me esforçar mais em nossa luta. Pois, então, vamos que vamos. Obrigado a todos. Valeu. Espero que a postagem tenha despertado o movimento das nossas lideranças para a formação imediata de chapas de oposição. Amanhã retomo os telefonemas. Estou deveras emocionado.

Diogo disse...

Embora com 34 anos de Banco, ainda na ativa, e na casa dos 52 anos de idade, estou pronto a segui-lo, caro Medeiros, é claro que sendo um nome de consenso. Acredito que o seu nome seria o melhor para a Previ, mas não sei se irá querer compor uma chapa coma titular. Cada vez mais funcionários da ativa tomam conhecimento do que está acontecendo na Previ. É da natureza humana só preocupar-se com alguma coisa ou Instituição quando, de alguma forma, os fatos chegam ao "bolso" de cada um, como agora. E, logicamente, a preocupação com o futuro, quando aposentados. Devo sair aos 35 anos e Banco, no começo do próximo ano. Mas, acompanho o seu blog desde 2011/2012, por aí.

Os mais novos do plano 1, que estão na ativa, já estão na casa dos 20 anos de Banco. Então, é hora de arregimentar essas 27 mil pessoas, que votam pelo sistema e tem menor abstenção. Vamu que vamu...como você diz.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,
Vamos orar por sua total recuperação. Contamos com sua experiência.
A coisa tá feia. Aproveito este espaço para divulgar o o que Superintendente do BB no Piauí de nome Manoel Santana Lima (capitão do mato) fez naquele estado:
O Ministério Público do Trabalho do Piauí (MPT-PI) entrou com uma ação civil pública contra o Banco do Brasil, após denúncia de que a Superintendência da instituição estaria praticando assédio moral sobre seus gerentes. A pressão apontada consistia, principalmente, em mensagens de celular diárias com cobranças de metas. Somente um funcionário recebeu mais de 80 mensagens.

A procuradora do Trabalho Maria Elena Moreira Rêgo, responsável pela investigação, escutou vários funcionários do Banco do Brasil no Piauí. Alguns trabalham na instituição há mais de 20 anos. Todos acusam a Superintendência do banco de assédio moral.

“Ouvi relatos emocionantes de homens angustiados. Trabalhadores que começaram a ser cobrados e pressionados tão intensa e constantemente que não resistiram e desistiram”, afirma a Procuradora.

Segundo os relatos dos funcionários, as cobranças também eram efetuadas nos finais de semana e durante a madrugada, fora do horário de serviço.

O G1 procurou a superintendência do Banco do Brasil no Piauí, que informou através da assessoria de imprensa que ainda não foi notificada e qualquer posicionamento só será feito após a assessoria jurídica do banco receber o documento.

A ação requer uma multa de R$ 10 milhões, que deverá ser revertida em campanha publicitária para combater o assédio moral no trabalho e o financiamento de programas de acompanhamento psicológico aos trabalhadores.

De acordo com o MPT, a investigação teve início, em janeiro de 2013, a partir da determinação do então procurador-chefe do MPT-PI José Wellington Soares para que fossem apurados os fatos divulgados pelo Sindicato dos Bancários no Piauí. Os sindicalistas alegavam que a pressão estava adoecendo os funcionários, sendo que alguns estavam tomando remédio controlado para trabalhar e outros, antecipando a aposentadoria.

Anônimo disse...

Não sei..
Dos nomes aqui mencionados, eu excluiria a Dona Cecília Garcez.
Já esteve na Previ, está na Anabb, tem atividades particulares...
Acho que não seria justo com ela.

Anônimo disse...

Se cuida, fique bem. Você é muito importante para nós.

Saúde sempre!

Pedro Borges disse...

Dr. Medeiros,

Em época de eleições nós das cidades do interior, mesmo acompanhando os diversos blogs, temos imensa dificuldade para votar. Na realidade os candidatos, normalmente, são ilustres desconhecidos para nós e ficamos fazendo "uni, duni, tê" para escolher nas relações que indicam os nomes propostos. Geralmente ganham os mais conhecidos nas redes e não temos pessoas confiáveis para indicar os melhores. Seria ideal que chegássemos a um método que possa esclarecer melhor quem é quem. Sabemos que toda a cúpula do BB, Previ e Cassi está aparelhada por sindicalistas que se esquecem da função social que deveriam defender. Não sei como vamos reverter a atual situação, está difícil.

lusitoo disse...

Medeiros, e por que tu não tomas a iniciativa de, aos poucos, inicar a montagem de uma chapa ? dá o primeiro passo e tenta aglutinar esse mosaico, representado por diversas correntes, e que representam a verdadeira oposição. À luta !!!

Luiz Silvestre Topanotti
Atuário

Anônimo disse...

se o poder continuar na mao do pt,a sangria vai continuar.....estao pegando tudo na previ e nos outros fundos de pensao tb.Molezinha tirar dinheiro de aposentados, eh soh colocar diretoria "subserviente".Jah imaginaram qto Dilminha vai gastar p se reeleger???????e mais o rombo com a copa do mundo?????????haja grana!!!!!!!

Unknown disse...

Dr. Medeiros,

Sua participação como candidato e suas indicações para composição das chapas na CASSI e PREVI serão como um NORTE para todos nos.
Digo sem qualquer constrangimento que sigo seus passos.

Luiz Faraco

Anônimo disse...

Ruy Brito, Tollendal, Medeiros em chapa para a Previ? Ah esses ai não se elegem nem síndicos de prédio

antonia disse...

Dr. Medeiros,
Não resta dúvida que tem muitos nomes capazes para compor uma chapa de oposição, porém vamos pegar pessoas influentes em todos os setores, prá não cometer o mesmo erro do passado. Acredito que se a chapa for composta apenas pelo pessoal da parte dos aposentados/pensionistas, não vingará. O forte mesmo, que vota é o pessoal da Ativa e nesse segmento a Cecília Garcez é muito respeitada, como podemos comprovar pelo resultado das eleições passadas. NÃO VAMOS COMETER O MESMO ERRO E ELEGER NOVAMENTE A CHAPA DA SITUAÇÃO.

Anônimo disse...

Buenas.
Sei que os elogios e palavras incentivadoras, tocam qualquer um, principalmente em momentos de grande sensibilidade.
Mas também sei que não és "guasca" de se deixar emprenhar pelos olhos ou ouvidos.
Muita serenidade neste momento meu amigo.
E não precisaria nem dizer, mas dentro das minhas limitações, sabes que pode contar comigo, sejas ou não candidato a alguma coisa.
Meu apoio é incondicional, e sincero.


"Pra arrucinar um bagual (PREVI)
Me basta escolher a lua
Na minha lida charrua
Que fiz dela profissão
Depois de botar o bocal
Basto, xerga e cinchador
Eu coloco o tirador
E as botas de garrão.
(Rodrigo Barbosa)

E de-lhe boca pro gateado índio veio.

Rovere

Anônimo disse...

E a antonia ressurgiu!!!!!
Você não me engana.
Duda

Anônimo disse...

Buenas!
Mal comparando...
A PREVI (Caixa de Previdência do Banco do Brasil), é um reluzente trem bala (lembram aquele da propaganda da TIM?), rápido e eficiente em seus objetivos (servir ao dono), com máquinas e equipamentos de primeira geração, e com todos seus operadores a postos e treinados para uma maior eficiência.
Nós os aposentados (ex donos da linha férrea)
Viajamos em uma Maria Fumaça, lenta e antiquada, todos querendo ficar na janela, levantando-se apenas para uma mijadinha, e cada vez que se quer um foguista, apontamos para todos os lados, buscando opções, mas nunca apontamos o dedo para nós mesmos, pois alimentar a fornalha e fazer o trem andar, da muito trabalho e desconforto.
Os outros que façam por mim.
Bancamos o escroto na relação sexual.
Participamos mas nunca entramos.
Ou tiramos o pijama e vamos a luta, ou ficamos com a boca escancarada cheia de dentes esperando a morte chegar.

O barco esta afundando e nos jogaram salva vidas de chumbo.
Quem quiser que nade ou afunde.
Não temos outra opção.

Rovere

Anônimo disse...

Não excluo nenhuma chapa composta com o Medeiros. Tenho muita fé nele.
O lado de cá vai ter que se unir em torno de uma chapa só.
VAMO QUE VAMO RUMO À PREVI.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, obrigado.Estou com o senhor nas próximas eleições. Chega de Marceis da vida.

Anônimo disse...

Colegas,
Sugiro as seguintes providências:

1) ORGANIZARMOS UMA CAMPANHA PARA A DESFILIAÇÃO, EM MASSA, DE TODOS OS ASSOCIADOS DA ANABB (O seu estatuto proíbe ações contra o BB e a Previ). Então estamos dando dinheiro para nosso inimigo.

2) MANTER CONTATO POLÍTICO COM OS PARTIDOS QUE ESTIVEREM FAZENDO OPOSIÇÃO AO PT. (O PT não estava preparado para o poder. Diante dessa insegurança, estão aproveitando, enquanto puderem, para conseguir quantos recursos for possível para manter a estrutura, caso saiam do poder.

3) MANTER CONTATO COM A OAB e/ou Ministério Público expondo o absurdo jurídico da Res. 26 e pedir, publicamente, a intervenção deles.

4) TENTAR ORGANIZAR UMA MEGA CONVENÇÃO COM TODOS OS FUNDOS DE PREVIDÊNCIA PARA ANÁLISE DA SITUAÇÃO (RES. 26)

5) TENTAR MANTER CONTATO COM O NOSSO QUERIDO JOAQUIM BARBOSA pedindo orientação a ele sobre toda essa situação.

6) Solicitarmos, através da imprensa a intervenção na PREVI

7) CRIARMOS UM COMITÊ que funcione ininterruptamente até a solução de todas as nossas pendências.

Outras iniciativas que os colegas puderem propor.

Vamos agir dentro da lei.

Abs.

Associado da PREVI

Anônimo disse...

espero que todas essas manifestações
aqui apresentadas se transformem em
votos positivos nas urnas e não apenas
"blá,blá, blá", como das muiiiiiitas vezes anteriores.
Ademir Martins
Balneário Camboriu(SC)

Anônimo disse...

Enquanto observo atônita o valor líquido do meu contra-cheque, as doações prá pagar a multa do Zé Genoíno aumentam, triplicam absurdamente. Muito estranho tudo isto.
Feliz foi Ali-Babá que só conheceu 40 ladrões!!!
#BRASIL

José Humberto disse...

Prezado Medeiros, boa tarde. Espero que você esteja bem de saúde. Torcemos por você. Que Deus te ajude sempre. Um grande abraço.

Anônimo disse...

Não entendi bem o contra-cheque desse mês de janeiro. O imposto de renda veio bem mais baixo. Será que alguma coisa de janeiro vai ser cobrada junto com fevereiro? Alguém sabe de alguma coisa?

renato machado disse...

Ao anonimo das 07;40 hs. Quem tem brio e valor não se posta anonimo. Você não sabe o que dizes, e não conhece o passado glorioso dos colegas por você citados. Tollendal, nos tempos do arbitrio, foi uma voz marcante e que fez história nos anais das grandes assembléias da Central Brasília. Velhos tempos, belos dias...

Anônimo disse...

Alteração idade isenção IRPF - 60 anos
Segundo o projeto de Lei do Senado - PLS n. 76/2011 de autoria da Senador Ana Amelia, propõe que seja alterada a Lei 7.713/1988, para que passe considerar como isentos os proventos de aposentadoria e pensão a partir do mês que inteirar 60 anos.

A justificativa apresentada pela Senador é que grande desproporção entre a atualização do salário mínimo federal, e a atualização dos proventos de aposentadoria, especialmente do INSS, que ficaram achatados.

Portanto, conclui a senadora "o objetivo é contribuir para minimizar a perda dos aposentados e pensionistas do Regime Geral de Previdência Social, oferecendo-lhe uma pequena compensação pela diferença de critério de reajuste dos benefícios, em relação ao salário mínimo".

Aludido projeto já foi aprovado na Comissão de Assuntos Econômicos e assuntos sociais do Senado, agora segue para votação na Câmara dos Deputados Federais.

Anônimo disse...

O Pessoal da ativa esta muito mais informado do que voces pensam, ontem ja estavam preocupados com o fim do BET e a volta das contribuicoes. Estou afastado e com tempo para acompanhar tudo e pedir voto para voce Dr Medeiros e cia, o unico problema e nao tao dificil e cada aposentado conversar com um da ativa eles estao dispostos a votar na oposicao e so nao comprar gato por lebre, votando na situacao disfarcado de opsicao.

Anônimo disse...

Ref. limite débitos consignados consta no site do STJ:

23/10/2011 - 08h00
ESPECIAL
Crédito consignado cai no gosto do trabalhador e vira tema de decisões no STJ

A tentação está em cada esquina. São inúmeras as ofertas de empréstimo com desconto em folha, e as taxas de juros menores em razão da garantia do pagamento seduzem os trabalhadores. Segundo o Banco Central, o consignado responde por 60,4% do crédito pessoal. Ainda que os órgãos públicos monitorem a margem consignável para evitar o superendividamento dos servidores, é comum as dívidas acabarem comprometendo altas parcelas dos vencimentos.

No Superior Tribunal de Justiça (STJ), decisões sobre o empréstimo consignável formaram jurisprudência que busca proteger os trabalhadores, sem desrespeitar os contratos. Em fevereiro de 2011, a Terceira Turma decidiu que a soma mensal das prestações referentes às consignações facultativas ou voluntárias, como empréstimos e financiamentos, não pode ultrapassar o limite de 30% dos vencimentos do trabalhador (REsp 1.186.965). O recurso no STJ era de uma servidora pública gaúcha, contra um banco que aplicava percentual próximo dos 50%

Além da posição do judiciário sobre o assunto o Senado está fazendo a reforma do Código de Defesa do Consumidor que irá tratar da prevenção do superendividamento (PLS 283) que determina o limite de 30% da renda líquida e prevê punição para os Bancos e empresas que não respeitarem esse limite inclusive reduzindo as parcelas.Quem tiver interesse pesquise "PLS 283" e "consignado limite 30%".

Anônimo disse...

Anônimo 16:45Hs :

o IR foi menor porque a base de cálculo, sem o BET, também foi menor.

Francisco

Anônimo disse...

Anonimo 16:45 (secundando Francisco 20:20)

Outro fator de redução foi também a nova tabela do IR, com reajuste de 4,5% (abaixo da inflação, mas ao menos não ficou parada no tempo e no espaço)

Anônimo disse...

FORA MARCEL E TODOS AQUELES QUE SÃO OU FORAM DA PREVI.
DR. MEDEIROS PARTICIPE DE UMA CHAPA EM QUE NÃO CONSTEM ESSES NOMES.

Anônimo disse...

MEDEIRÃO NA CABEÇA. NÃO PODEMOS PERDER ESSA DE JEITO NENHUM.

Anônimo disse...

Afinal, como fica a FAABB nesse contexto? Ela já lançou essa proposta de unificação da oposição, pedindo opiniões e sugestões, e até agora, nesses comentários ela está sendo omitida, ignorada.

Anônimo disse...

Prezado Medeiros, a seu critério, submeto o seguinte texto:

Mensagem enviada por Roberto Abdian – Tupã (SP)

Colegas e amigos.

Devemos sim, escolher criteriosamente candidatos para nos representar na Previ (para a Cassi também, lógico), e tudo parece que estamos diante de um nome em potencial, mas não definitivo. Estamos discutindo muito, mas pretendo trazer aqui, algumas informações importantes, porque suponho que a maioria dos colegas não sabe o que e quantos representantes vamos eleger. Segue abaixo, trechos do estatuto da PREVI, e peço que leiam com atenção. Dado o cerco que o BB fez no estatuto de 1997, a conclusão irremediável que podemos chegar, analisando bem as cláusulas, é de que, se não alterarmos o estatuto, pouquíssimo ou nenhum resultado positivo vamos conseguir. Veja no final, a condição exigida para a alteração do estatuto. O invés de fazer abaixo-assinados inócuos visando a sustentação de benefícios, com decisões já sacramentadas pela direção da PREVI, vamos fazer outro tipo de abaixo-assinado.
Os grifos são meus.

“Art. 18. Os mandatos dos membros do Conselho Deliberativo serão alternados, renovando-se metade dos seus membros a cada 2 (dois) anos, da seguinte forma:
I - no ano civil par, não bissexto, encerrar-se-ão e serão renovados os mandatos de 1 (um) membro titular e 1 (um) suplente representativos dos participantes e assistidos e 2 (dois) membros titulares e 2 (dois) suplentes indicados pelo patrocinador Banco do Brasil S.A.; “

(Estamos em ano par, não bissexto, portanto, vamos eleger 01 conselheiro e seu suplente.)

“Art. 22. Compete ao Conselho Deliberativo:
I - nomear e exonerar os membros da Diretoria Executiva, e acompanhar o desempenho dos mesmos, observado o disposto neste Estatuto;”

“Art. 24. O Conselho Deliberativo terá 1 (um) Presidente, indicado pelos conselheiros representantes do patrocinador Banco do Brasil S.A., a quem caberá, além do seu, o voto de qualidade.”

Art. 26. O Conselho Deliberativo contará com uma secretaria executiva, cujos integrantes serão de sua escolha, dentre os empregados em efetivo exercício na PREVI.

(Em função do art.24, é indiscutível que os integrantes da secretaria executiva serão alinhados aos interesses dos indicados pelo Banco)

“Art. 31. A Diretoria Executiva é um órgão colegiado, composto de 6 (seis) membros efetivos, divididos nas seguintes funções: I - 1 (um) Presidente; II - 1 (um) Diretor de Administração; III - 1 (um) Diretor de Investimentos; IV - 1 (um) Diretor de Participações;
V - 1 (um) Diretor de Planejamento; VI - 1 (um) Diretor de Seguridade.”

“Art. 32. Os membros da Diretoria Executiva serão nomeados pelo Conselho Deliberativo segundo o seguinte critério:
I – para os cargos de Presidente, Diretor de Investimentos e Diretor de Participações, o Conselho Deliberativo nomeará pessoas que sejam indicadas pelo patrocinador Banco do Brasil S.A.; e”

(Quanto ao presidente da diretoria, não é preciso comentar o alcance do seu poder.
As duas principais diretorias – Investimento e Participação - são de interesse político do governo. Explicam-se os “micos” decorrentes de favorecimentos políticos e interesses de investimento em áreas de risco – nenhuma ou pouca rentabilidade, ou a fundo perdido. É preciso citar exemplos?)

“ II - para os cargos de Diretor de Administração, Diretor de Planejamento e Diretor de Seguridade, o Conselho Deliberativo nomeará pessoas que sejam escolhidas, pelo critério da maior votação, através de processo de consulta por meio de voto direto dos participantes e assistidos da PREVI.”


(O desempenho dessas diretorias é inteiramente dependente das conseqüências do exercício das duas diretorias – Investimentos e Participação.

“Art. 13. Aos participantes e assistidos é assegurado, na forma deste Estatuto, o direito de:
V - apresentar ao Conselho Deliberativo proposta de alteração deste Estatuto, desde que a proposta seja subscrita por não menos do que 1% (um por cento) do total de participantes e assistidos;”

(Os que desejarem saber sobre o Conselho Fiscal, está a partir do art.42 do Estatuto)