FELIZ DIA DO APOSENTADO - 24 DE JANEIRO ?

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

No dia 24 de janeiro se comemora o dia do aposentado.  Cumprimento a todos os aposentados que frequentam o blog, bem como as pensionistas, por essa data que deveria ser feliz, pois é o reconhecimento de que fazemos parte de um grupo de pessoas que conquistou esse direito após anos de intensa labuta.

Somos aposentados por direito de trabalho, não por favor ou benesse.  Temos nosso orgulho próprio pela condição de aposentados.  Não somos parasitas, nem ônus para ninguém. Contribuimos por anos a fio para o INSS e para a PREVI.  Merecemos respeito e dignidade.

Infelizmente nesta data de 24 de janeiro de 2014 pouco ou quase nada temos a comemorar.  Os dirigentes da PREVI nos deram um presente grego.  Descumpriram promessas de campanha eleitoral, e, em vez de incorporação do BET, anunciaram e efetivaram no dia 20 a suspensão antes do tempo do mesmo.

Acrescentaram um brinde ao presente, voltaram a cobrar as contribuições ao fundo de pensão, mesmo para aqueles que já verteram 360 contribuições.


E de lambuja, como se diz lá na fronteira gaucha, estão cobrando a devolução das quantias recebidas liminarmente por conta da cesta alimentação, mesmo sabendo do caráter alimentar da verba, recebida de boa fé. Parece que 19.000 aposentados serão crucificados e perturbados com essa investida, que juridicamente pretendemos rejeitar.

Ao mesmo tempo que nos afligem com essas medidas, estão acabando de costurar um acordo para conceder o teto de quarenta e cinco mil para eles próprios, dirigentes estatutários, criando uma casta que vai violentar o plano de benefícios, que não pode ter uma diferença tão gritante entre o menor e o maior benefício.

O nosso reajuste foi pífio e não ameniza a situação, só piora.  O ES foi suspenso apenas por três meses, breve iremos nos deparar com o emagrecimento dos proventos, cerca de uma quarta parte do que ganhávamos. Eu pensei que estava enxergando mal por causa do glaucoma, mas os valores diminuiram e o líquido ficou pequenininho, difícil de ver e de utilizar.


Com tudo isso acontecendo, é com revolta e repugnância que enfrento essa data.

Realmente, não é uma data festiva. E´ o dia da mentira, da promessa de campanha de incorporação do BET descumprida. E´ o dia do estelionato eleitoral. E´ o dia das esperanças frustradas.

Sobretudo é um dia de luto. De sepultamento de nossos sonhos de melhorias e de tranquilidade na última etapa de nossas vidas. E tem coveiro conhecido na administração da PREVI.

Estou curioso aguardando a nota da PREVI de congratulações pela data.

65 comentários:

Anônimo disse...

Colegas,

Dá para desconfiar que são os coveiros?
Tenho a fé de que os coveiros cavarão a própria cova, menos dia mais dia.
É só mais um pouquinho de paciência e pronto.

Anônimo disse...

O dia da amargura é hoje. Tou disfazendo de um bem que, minha família, amava. Pela metade do preço. Para amenizar minhas dividas. Aqui todo mundo triste.

Anônimo disse...

Obrigado colega Medeiros por dizer tudo que eu gostaria de ter dito.
Estas suas palavras resumem toda nossa decepção com a atual Previ, gostaria de ter esperanças que algo possa realmente mudar para melhor, mas por enquanto o cenário logo a frente é muito desanimador.
A inflação disparou junto com os juros e nossos proventos como que congelados, quem vai pagar a conta serão nossas famílias.

Grande abraço e vamos que vamos...

Viana

lourdinha assis -campina grande pb disse...

quando querem marcar um rolezinho num instante convocam centenas de seguidores, como fazer então este blog atingir mais aposentados,para pelo menos saber o que se passa no mundo real?

Anônimo disse...

A verdade é que nesta altura, os diretores, conselheiros da Previ já sabem que deixaram muitíssimo a desejar com tudo que prometeram, foi mesmo um estelionato eleitoral, eles já tem certeza que vao ser os piores gestores da Previ no respeito com seus participantes do plano 1, então, so restara para eles "sugarem" ao máximo de valores que puderem nestes ultimo período da sua gestão.
Muito lamentável como estes gestores conduziram a Previ, como se o fundo fosse contra a qualquer melhoria para seus participantes.

Daniel Pereira

Anônimo disse...

E afinal????? Vamos ter em quem votar nessas eleições???? Só estamos esperando você, para fazermos as coisas acontecerem. E..."vamos que vamos".

Anônimo disse...

"Ao mesmo tempo que nos afligem com essas medidas, estão acabando de costurar um acordo para conceder o teto de quarenta e cinco mil para eles próprios, (...)"

- De um lado, capital volatil tendendo a zerar; doutro, aumento geometrico de despesas... RESULTADO: INICIO DO FIM...

Anônimo disse...

Dr. Medeiros. O tempo urge. Por favor, apresente-nos a "chapa dos sonhos" para que possamos iniciar sua divulgação, antes que outros aventureiros lancem mão.

Anônimo disse...

A previ está quebrando,porisso não está cumprindo o ES por crédito em conta e Orpag. É o fim dos tempos. Vamos pedir bolsa familia para a Dilma. Viva o PT. Deixaram os aposentados na miséria.

Anônimo disse...

Não fique triste Dr. Medeiros.
Tudo nesta vida se dá um jeito.
Só pra morte que "ainda" não!
Se houver união, medidas enérgicas e eficazes tenho certeza que reverteremos esta situação.
Somos mais numerosos que eles, somos inteligentes e capazes.

S U G E S T Ã O
Sugiro que cada um de nós obtenha em sua agência, ou nas AABBs, uma lista de endereços de emails dos aposentados do BB e em sua casa envie um email para eles mais ou menos cfe abaixo:

Estimado colega:

Tomo a liberdade de lhe enviar este email para sugerir que compartilhes comigo o melhor dos informativos a respeito de nós, aposentados do BB.

Leia o blog do Dr Medeiros. (coloque no google: blog do Dr Medeiros).
Tenho certeza que lhe será muito útil.
Obrigado(a)!

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Gostaria de sugerir ao distinto colega promover uma nova manifestação na frente da Previ, nos moldes da Novembrada, mas com ações mais ousadas.
Quem poderia ajudar muito na realização de um movimento assim seriam os cariocas.
Que tal o senhor contactar associações representativas de nossa categoria para, em conjunto com a entidade a que o senhor dignamente dirige, para essa finalidade?.

Pedro Borges disse...

Dr. Medeiros,

Nas últimas vezes que acessei o seu blog o meu antivírus bloqueou ameaça, é bom verificar pois estou achando que estão tentando prejudica-lo.

Nasser disse...

Colegas,
Hoje numa roda de companheiros aposentados foi levantada uma sugestão que de tão inusitada me fez pensar um bocado.
Disse o meu amigo Rubão que se a Previ se extinguisse por vontade expressa dos seus associados e o valor do seu patrimônio líquido fosse distribuído aos participantes, proporcionalmente às contribuições efetuadas, nós teríamos um ganho financeiro importante, principalmente aqueles com mais de 360 contribuições. Disse também que já fez um levantamento prévio, obviamente sujeito ainda a revisões, tendo apurado que o valor recebido seria suficiente para suportar um dispêndio mensal para o resto da vida, considerando os anos que ainda nos restam (previsão pelo tempo médio de vida do brasileiro).
E melhor: superior aos proventos que recebemos atualmente.
Loucura ou genialidade, a fala do Rubão mexeu com a minha imaginação!
Loucura ou genialidade, não é realmente uma bolação inusitada?
Vou fazer as minhas contas pra ver se chego à mesma conclusão e em caso afirmativo vou abrir a boca do trombone.
E aí Medeiros? Pensa no assunto e se precisar de mim como advogado, pode contar inteiramente.
Abraços.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros e colegas, ainda estou na ativa (32 anos de BB), e diante desse horizonte negro que se tornou a PREVI, tenho até medo de me aposentar (já tenho tempo suficiente). Penso até em sair do BB e pegar minha parte na PREVI.
Mas o que quero dizer é que infelizmente NENHUMA CHAPA CONTRÁRIA À CONTRAF-CUT TEM REALMENTE CONDIÇÕES DE GANHAR AS ELEIÇÕES, não que não tenha colegas capacitados, mas pelo fato de o BB ter dividido a PREVI em duas: PREVI PLANO 1 E PREVI FUTURO. O pessoal do PREVI FUTURO tem muito mais poder de voto que o PLANO 1 incluindo os aposentados, e com certeza o BB vai fazer algumas "concessões" ao pessoal do sindicato em favor da turma nova no bb (PREVI FUTURO), e, ELES VOTARÃO NA CHAPA APRESENTADA PELA CONTRAF-CUT. Além do mais, a turma nova NÃO GOSTA de nós que somos do PLANO 1.

Blog do Ed disse...

Será que não se tem escrúpulos em substituir regiamente, contra a tradição SECULAR DO BANCO DO BRASIL, o SALÁRIO REFERÊNCIA por essa RENDA REFERÊNCIA, justamente quando CONTRA A LEI, se faz o UNIVERSO de ASSISTIDOS e FAMILIARES rangerem os dentes de dor pelas restrições ao nível da subsistência!
Edgardo Amorim Rego

antonio americano do brasil borges disse...

Caro Dr. Medeiros,
É bom ir estudando uma ação coletiva "protesto judicial" pois tive notícias de que a alta cúpula dos fundos de previdência estariam estudando um REDUTOR para aplicar nos nossos benefícios, sob a alegação de que "nós velhinhos"não mais necessitariamos de reajustes em nossos benefícios pois já estariamos com nossas familias criadas. Temos que ficar de olho e nos precavermos.
Abraços
Antonio Americano

antonio americano do brasil borges disse...

Caro Dr. Medeiros,
É bom ir estudando uma ação coletiva "protesto judicial" pois tive notícias de que a alta cúpula dos fundos de previdência estariam estudando um REDUTOR para aplicar nos nossos benefícios, sob a alegação de que "nós velhinhos"não mais necessitariamos de reajustes em nossos benefícios pois já estariamos com nossas familias criadas. Temos que ficar de olho e nos precavermos.
Abraços
Antonio Americano

antonio americano do brasil borges disse...

Caro Dr. Medeiros,
É bom ir estudando uma ação coletiva "protesto judicial" pois tive notícias de que a alta cúpula dos fundos de previdência estariam estudando um REDUTOR para aplicar nos nossos benefícios, sob a alegação de que "nós velhinhos"não mais necessitariamos de reajustes em nossos benefícios pois já estariamos com nossas familias criadas. Temos que ficar de olho e nos precavermos.
Abraços
Antonio Americano

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Os diretores da PREVI ficam satisfeitos enquanto estivermos discutindo BET, empréstimo simples, pois, isso foge ao principal foco que é a administração temerária da atual diretoria.

Investimentos direcionados pelo governo.

A compra de R$ 60 milhões quando do lançamento das ações na bolsa (IPO -Oferta Pública Inicial de Ações) da Magazine Luiza que estava adquirindo o Baú da Felicidade do Silvio Santos. O Palocci, salvo engano, era consultor da empresa. Um caso a verificar.

O BET e o empréstimo simples estão nos normativos e queiramos ou não eles tem que serem observados. Acredito que a tendência do judiciário não nos será favorável.

Entretanto o que esta em jogo é o futuro da PREVI.

Temos que ter voz, nos fazer ouvir, temos que reativar o corpo social que hoje não existe. Temos que ter direito a votar e definir nosso futuro. Não podemos mais ficar manietado.

É disso que o governo não quer e tem medo.

O nosso foco é uma auditoria na PREVI, fora disso não há salvação.

A ação pública civil contra a Resolução 26, ainda não protocolada, esta sendo o primeiro passo.

O segundo passo é a auditoria externa urgente. Não podemos perder mais tempo.





Anônimo disse...

Prezados,

A PREVI vem tendo desde 2008 um ganho adicional que deve estar na casa dos muitos milhões. A origem desse ganho extra são os colegas que se aposentam pelo INSS e continuam na ativa. Caso tivessem se desligado do banco quando da aposentadoria, estariam recebendo o benefício da PREVI.
Agora pergunto: onde está essa soma fantástica de recursos?
Como ficará a situação se o BB lançar um PDV para os aposentados pelos INSS e de uma hora para outra a PREVI ser obrigada a pagar benefícios para mais alguns milhares de associados que aderirem ao plano?
Faço daqui um apelo a esses abnegados colegas: Por favor não se desliguem do banco, continuem na ativa.

Anônimo disse...

Agradeçamos a Deus pelas nossas vidas, pelas oportunidades de nos relacionarmos e de podermos de alguma forma defendermos nosso direitos...Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo! Obrigado Senor!

Anônimo disse...

Eu se me convidassem neste momento para ser diretor ou conselheiro da Previ nesta atual gestão maldosa para ganhar a fortuna que ganham, preferia continuar apertado para pagar as minhas contas e sem BET, do que fosse aceitar um "dinheiro maldito".
A carga negativa deve ser muito grande dentro da Previ.

Parabéns pelo blog Dr.Medeiros, vou visitar sempre que puder.

Alfredo Lima, via internet do meu colega Daniel Pereira.

Anônimo disse...

Gente, tem um colega dizendo, no outro post, que vai tirar a vida. Vocês não estão preocupados? Não tem como descobrir quem é e tentar dissuadi-lo? Que Deus o ajude.

Anônimo disse...

Medeiros só pra entender: Não há dinheiro para manter a contribuição suspensa, mas há dinheiro para os benefícios "sem teto"? FORA MARCEL

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Obrigado pela postagem e pelos cumprimentos, Lamentavelmente não é uma data que possamos festejar com as perdas que nos infringiram.Contamos, porém, com você para nos defender.

Medeiros disse...

Colegas,

Estamos trabalhando firme em todas as áreas. Todos os associados da AFABB RS tiveram seus pleitos atendidos na PREVI, com relação a ES, ORPAG e outras demandas emergenciais.

Vamos encarar a situação com indignação mas não com desespero.

Vamos lutar. Esta data pode ser também a data do início da reação, do começo da retomada.

Vamos deixar de lado diferenças e divergências e vamos nos unir na oposição.

Já temos chapas alinhadas e costuradas, mas não podemos divulgar antes do tempo. Temos que cumprir o regulamento e o vazamento de nomes pode prejudicar, pois a partir daí começa a queimação. Eu já estou sofrendo esse processo, mas não me importo.

Renovo meu abraço pelo dia internacional do aposentado.

Anônimo disse...

Obrigado Medeiros por continuar conosco lutando, mesmo com problemas visuais. Sei que estás fazendo tratamento e estás em boas mãos. Rezo pela sua integral recuperação. Mesmo assim não deixa de postar. O post de hoje é oportuno e atual. Parabéns.

Miguel - RS

Medeiros disse...

Quero também cumprimentar nesta data a dra. Neusa Regini e a ANAPLABB por teem ingressado com a pioneira ação contra a volta das contribuições e a suspensão do BET. Eu estava interessado nesse ajuizamento, porém a AFABB RS necessita para ações coletivas de uma tramitação burocrática e estatutária complexa, envolvendo o conselho deliberativo e outros órgãos. A ANAPLABB, por ser associação nova e menor, é mais ágil. Parabéns. Desejo sucesso. Vou acompanhar com carinho. Acho que essa notícia é uma boa notícia para esta data. Parabéns Zanella.

Anônimo disse...

Medeiros,

A AFABB RS não vai entrar com a ação contra o BET ?

Medeiros disse...

Estamos estudando não só essa ação, que no mínimo pretendemos entrar em nome individual, com assistência judiciária gratuita, como também outras ações que tem sido sugeridas no blog, inclusive uma que o Antonio Americano alertou contra um redutor que está sendo estudado pelo governo para aplicar em todos os benefícios para quem for idoso. Como disse estamos atuando em todas as áreas, porém a mais importante é a eleitoral. Temos que quebrar o aparelhamento que está liquidando com a CEF, com O BB, a Petrobrás, e seus fundos de pensão.

edsomn disse...

NO DIA DO APOSENTADO UMA BOA NOTICIA SERIA A PREVI PARAR DE COBRAR DOS "APOSENTADOS" AS CONTRIBUIÇÕES.
APOSENTOU NÃO PAGA MAIS NADA.

Anônimo disse...

Dessa vez o PB1 vai votar em massa, e o futuro que vote em quem quiser somos maioria. Tenho tanta certeza disso, pelo retorno que tenho agora, após o corte do BET e a volta das contribuições. Até já perguntam quando serão as eleições da Cassi e Previ, quer mais interesse que isso. Pregavamos no deserto, agora todos querem dar o troco.
Que saia a chapa de oposição, o resto é por nossa conta.
VAMO QUE VAMO NA CAMPANHA.

Anônimo disse...

Medeiros, aqui é dando que se recebe... Peça uma audiência com a Dilma aí no RS, ela sempre está por aí!
Mesmo que ela já saiba, conte a nossa situação e o que a PREVI vem aprontando. Diga também que temos muitos votos espalhados pelo Brasil inteiro. Ah! Um presentinho da PREVI no dia dos APOSENTADOS: ORPAGs devolução ES dizem que tem prazo até 29.01 para repassar.
Até hoje não recebi a minha parcela e olha que o DESATENDIMENTO 0800, afirmou que estaria disponível no dia 21 de janeiro.
Confirmaram também por email. Veja se vc intercede pelo povo do Nordeste. Político gosta de voto e isso nós temos.

Felipe Osório da Silveira disse...

PREVI suspendeu o meu pedido de suspensão do ES e debitou no saldo devedor a prestação e não me creditou nada, que sacanagem

Alcides Maurício disse...

Aos colegas aposentados meus cumprimentos e votos de que tenhamos esperanças para vencermos todos os obstáculos que surgirem.
que Deus nos ampare e ajude sempre.

Anônimo disse...

Gente, se criarem este tal de REDUTOR aí sim vou achar que tá tudo ERRADO neste mundo.
Digo ao Sr Nasser (comentário das 18:34 dia 23) que eu toparia pegar minha parte da Previ pra eu mesma administrar e não estes incompetentes sanguessugas.
Gostaria de saber por que o pessoal da Previ Futuro não gosta de nós? Sr. Anônimo que ainda é pelego do BB, responda-me ...

torbes gambarra disse...

Transcrito do blog Gbolso:http://blog.gbolso.com.br/2012/07/ex-gerente-denuncia-bb-por-pratica.html arlindo rogaciano aragão de melo disse...
Os mineiros estão surpresos? Uaiiii!

Vejam o que pintaram e bordaram na pequenina e heróica Paraíba.

Em 1995, o Sr. Dan Conrado assume a Superintendência Regional do Banco do Brasil de Campina Grande (hoje, Presidente da PREVI), sendo seu colega o Superintendente Regional do Banco do Brasil de João Pessoa o Sr. João Jackon Quirino (hoje, aposentado) e chefe imediata de ambos, a Superintendente Estadual do Banco do Brasil na Paraíba, Srª. Valéria Maria de Paula Rezende (hoje, aposentada).

Em Outubro de 1995, inicia-se em todas as agências do Banco do Brasil na Paraíba, a prática espúria de cobrança ilícita de tarifas bancárias, consistindo no lançamento a débito da conta do correntista de tarifas bancárias inexistentes.

Observe que não me refiro a cobrança de tarifas bancárias legais (embora imorais), mas sim, cobranças de tarifas inventadas pelos administradores das agências.

Em 1996, com a transferência da Srª. Valéria Rezende, assume a Superintendência Estadual do Banco do Brasil na Paraíba, o Sr. Dan Conrado, e, a partir de então, referidas cobranças ilícitas ganha dimensões assustadoras, passando as agências a cobrarem cada vez mais (valores), de um número de clientes cada vez maior e aumentado o número de tarifas ilícitas inventadas.

Em 2005, preparei, historiei, documentei e denunciei ao Ministério Público Federal, através da Procuradoria da República em Campina Grande, todo o esquema de fraude posto em prática pelos referidos Superintendentes, mas que, apesar de submetido (o meu dossiê) a 03 (três) pericias contábeis (na polícia federal, no INSS e no MPF), que confirmaram cabalmente e sem nenhuma dúvida as ilegalidades das cobranças efetuadas ilicitamente; apesar de depoimentos de funcionários e de ex-funcionários do Banco do Brasil confirmando e ratificando todas as minhas denúncias, até a presente data, não vejo nenhuma atitude prática.

Desde 2001, através dos jornais de maior circulação do Estado da Paraíba, em matérias escritas e pagas por minha pessoa, através das rádios e televisões locais, venho denunciando essa quadrilha de ladrões, que sorrateiramente apoderou-se das economias de mais de 300.000 (trezentos mil) paraibanos. Infelizmente, nenhum Órgão de Proteção ao Consumidor, do Ministério Público Estadual, do Poder Executivo, Legislativo ou Judiciário, bem como, nenhuma Associação de Classe tomou qualquer providência para a apuração das denúncias.


Atenciosamente,

Arlindo Rogaciano Aragão de Melo
C.P.F. Nº 131.426.904 – 68
Fone: 83.8847.7595 - 83.3337.7595
21/7/12

Anônimo disse...

Colegas aposentados e pensionistas:

Épocas atrás recebíamos uma mensagem enorme, desejando felicidades por sermos aposentados.

Até agora (14:01, 24.01.2014) não apareceu nada no site do Previ. Isto é sintoma de que:

1 - estão se lixando para nós;
2 - não querem passar vergonha.

Cada um marque sua opção!

Medeiros disse...

Ao menos uma notícia boa para mim foram que meus exames visuais deram bons. Arre ! Ao menos isso.

Vamos que vamos ! Vou festejar os resultados dos exames hoje à noite, com chopp.

Mas paguei consulta particular. Outro arre !

Tania disse...

Tania,
Concordo com o que um anônimo disse sobre uma ação pública contra a Resolução 26 e auditoria na Previ (urgente) e acrescento mais: ação para o fim do voto de minerva, pois vivemos numa democracia e isto está faltando na Previ, e outra ação para acabar com os estatutários. Isto é possível?

Anônimo disse...

Dr. Medeiros, que bom que o Senhor está "tinindo" de novo, kkk.
Tenho certeza que todos também estão felizes por essa boa notícia.
Agora fiquei estarrecida com o comentário das 13:45hs.
Meu Deus é muito grave o que estão afirmando. Por que só agora, depois da eleição é que ficamos sabendo dos podres das pessoas eleitas? E o pior que mesmo denunciado até hoje continua numa boa.
Será que é um trunfo do governo pra mantê-lo como marionete e fazerem o que querem com a nossa Previ?

Anônimo disse...

Dr Medeiros! Mais um post digno de sua estatura moral e ética. Muito obrigado! Que tenha saúde e força para continuar nos defendendo.

Anônimo disse...

Aos colegas que recebem por ORPAG.
Recebi agora a pouco mensagem da Previ dizendo que dia 28.o1.receberei minha Orpag e que dada a complexidade desse tipo de pagamento não foi possível ser antes.
A atendente do 0800 disse-me hoje que as mensagens diziam que as Orpags seriam providenciadas a partir do dia 21.01. Isso não quer dizer que teria que ser nesse dia.Já que vou receber no dia 28.o1 cfe comunicação da PREVI, creio de a maior parte dos colegas que estão nessa situação também receberão.
Lourival Rezende

Anônimo disse...

Arlindo Rogaciano Aragão de Melo - Parabéns pela sua atitude de autêntico cidadão. Apesar de não podermos esperar nada dos poderes constituídos e de muitas associações farsantes, não vamos desistir nunca de denunciar estes cretinos.

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,
Inicialmente quero parabenizá-lo pela saúde de seus olhos. Também passei por problemas de vista.

Mas, falando de eleições, o senhor já percebeu que nas grandes disputas eleitorais, principalmente para presidente da republica, candidatos inescrupulosos tem jogado a classe bancária, das instituições federais notadamente, contra a população para se eleger?

Começou com o Collor que, com o intuito de conquistar a simpatia dos pobres, prometeu acabar com
os marajás do Banco do Brasil. Foi um sucesso. Venceu as eleições.

Como ainda existe essa falsa ideia sobre nós, aposentados e ativos do BB, acredito que o candidato que se disser autor dos pacotes de maldades que vem sendo aplicadas sobre nossa categoria, poderá sair vitorioso.

Portanto, em nossa defesa, não estaria na hora de mudarmos nossos discursos ou métodos de protestar?

Um abraço.

Anônimo disse...

Caro Mestre MEDEIROS:


Uma coisa que está MAL EXPLICADA é como DAN CONRADO e outros funcionários regidos pela CLT, passaram a estatutários? Ser estatutário significa fazer parte de CARREIRAS DE ESTADO, coisa que gestores de Fundos de Pensão não o são. Tem de ter FEITO CONCURSO PARA AQUELE CARGO OU FUNÇÃO. O TETO SALARIAL MÁXIMO é de R$ 28.000,00 (equivalente ao de Presidente do STF). Estamos tão amortecidos com BET e o TETO e a volta das contribuições, que estamos deixando passar desapercebidos, fatores importantes como esse. Nós AINDA SOMOS UMA PARTE, EMBORA ENVELHECIDA, DA ELITE INTELECTUAL DESSE PAÍS. Não sejamos arrogantes, mas chega daquela figura do VELHINHO DECRÉPITO, SENDO ESCORRAÇADOS DAS AGÊNCIAS DO BB. OU ENXOVALHADOS PELOS "DESPUDORADOS/DESQUALIFICADOS" 0800 DA VIDA!

CARLOS ANDRÉ DA SILVA - Recife - (PE), 24/janeiro/2014

Felipe Osório da Silveira disse...

Prezado(a) Participante,

Informamos que a PREVI disponibilizará o crédito da(s) sua(s) prestação(ões) de janeiro/2014, em caráter de excepcionalidade, via saque contra recibo no dia 28.01.2014.

Destacamos que, devido à complexidade do processamento dessa(s) devolução(ões) por saque contra recibo, não foi possível disponibilizar o valor referente à prestação de Janeiro/2014 antes da data informada acima.

Atenciosamente,

Gerência de Atendimento
PREVI

Anônimo disse...

Dr. Medeiros,

Depois dessa denúncia do colega Arlindo Rogaciano fica claro o pq o Dan Currado foi nomeado para a Previ. Liga para o 190!

Anônimo disse...

Um homenageado da previ de hoje,tomou posse em 1962 e se aposentou em 1996,portanto,deve ter recebido 4 anos, ou seja,48 parcelas de mais ou menos 12.000,oo num total de 576.000 de renda certa,sortudo e ainda foi homenageado, assim é demais.

Anônimo disse...

Nunca mais se falou em parcela previ, mais tem dinheiro para patrocinar a seleção do Brasil no sorteio da copa na costa do Sauipe. Quero vê depois da copa todos os estádios abandonados igual o engenhão.

Anônimo disse...

Entrem no Google com Banco BVA e leiam as noticias.

Anônimo disse...

Colegas , eu fiz a renovação do ES no dia 17/1/14, e em seguida optei pela suspensão das parcelas do empréstimo.
A previ informou que, por já ter sido rodada a fopag de janeiro, seria cobrada, como foi, a parcela do ES do respectivo mês e em seguida, dia 21/1/14, ressarcido a quem teve o débito.
Alguém saber dizer o porque ainda não foi creditado o valor, ou foi só eu que levei o cano.
Com a palavra nossos prezados colegas de infortúnio chamado previ.
Josué Jorge Jr
Castro PR

Anônimo disse...


Sobre o Banco BVA e os Fundos de Pensão

http://marcosassi.com.br/administrador-do-bva-tenta-anular-operacao-com-caoa

http://marcosassi.com.br/operacao-de-bva-afeta-mais-de-70-fundos

http://marcosassi.com.br/bc-prorroga-prazo-de-conclusao-de-inquerito-no-banco-bva

A dúvida que fica:
Por que um Fundo de Pensão administrado p/pessoas bem preparadas, aplicam os recursos de terceiros(de seus associados/participantes/assistidos), num TAMBORETE desses???

Jair Mário Bork disse...

Ao colega anônimo das 18:34, ou seria o colega Nasser?
Estes teus cálculos podem ser resumidos no seguinte: O patrimônio da PREVI é de mais ou menos 150 bilhões. O número de participantes (aposentados e da ativa) do Plano 1 não chega a 150 mil, portanto se o patrimônio for dividido entre nós, daria "em média" 1 milhão per capita. Logicamente, quem ganha mais receberá mais, e quem ganha menos receberá menos. Como o benefício médio é de mais ou menos 6 mil, veja quanto ganhas e faça uma regra de três. Simples demais, não achas? Agora, é bom pensar bem se é melhor receber uma bolada agora, ou continuar recebendo o benefício o resto da vida. Depende da tua idade e de tua perspectiva de vida. Vai saber, né? Mas pode ser que meu raciocínio esteja errado. E depois, acho que o Banco Brasil jamais concordaria com essa possibilidade de extinguir a PREVI dividindo o bolo entre nós. Provavelmente, ele iria querer 50%, e aí a vaca iria pro brejo.

Goulart disse...

Dr. Medeiros, nobre colega aposentado e batalhador do Plano 1, dos aposentados e pensionistas da Previ. Solicitei a colega Cecilia Garcez, outra colega interessada em nossas causas, a interferencia, dentro das suas possibilidades na Previ da suspenção da mensalidade da Carim, por pelo menos uns 03(treis) meses, no que ela me respondeu que seria quase que uma obrigação esta decisão, uma vez que não é presciso a autorização do Conselho Deliberativo para esta determinação. Então, colegas, vamos solicitar e pedir atraves das Associações esta medida, que viria a nos beneficiar. Obrigado se postar, aqui aposentado de Cambé-PR, Goulart, lhe desejando muita força, saude e competencia, o que, Graças a Deus, o senhor tem. Tudo de bom.

Nasser disse...

Olá, colega Jair Bork, (25.01.2014/00:34)
Os seus cálculos estão corretos.
Também fiz os meus e cheguei à mesma conclusão: somente seria vantajoso para os participantes se o Banco fosse excluído do rateio.
Embora seja juridicamente sustentável, acho difícil essa exclusão, mas não impossível.
De qualquer forma, fica no ar essa ideia meio maluca, mas que dá o que pensar!
Abraços.

Anônimo disse...

Pessoal vamos assinar a petição.
De nada adianta sonhar em não contribuir, temos que assinar e divulgar.

http://www.avaaz.org/po/petition/PREVI_CAIXA_DE_PREVIDENCIA_DOS_FUNCIONARIOS_DO_BANCO_DO_BRASIL_Providenciem_o_cancelamento_da_contribuicao_mensal_C800_d/?cQpJScb.

Anônimo disse...

Ao colega Jair Bork.
Entendo ser impossível transformar o patrimônio da PREVI imediatamente em dinheiro(Cash) para repartição entre os participantes. Mesmo que fosse possível, a venda do total das ações em poder da PREVI afetaria de tal forma a Bovespa, fazendo com que as ações sofressem baixas imensuráveis e por consequência reduziriam ainda mais o patrimonio da PREVI. Quanto aos outros ativos, exceto os fundos de renda fixa, os demais também sofreriam desvalorizações.
Não é tão simples assim.

Anônimo disse...

Gente enquanto nada se resolve vamos apelar para a Previ suspender as prestações do ES de abril,maio e junho.

Tadeu Luis Valentim disse...

Prezado Dr. Medeiros,
Sou seu seguidor, mas é a primeira vez que comento nesse blog. Sou admirador de sua coragem e de sua persistência. O sr. é uma pessoa altruísta, formadora de opinião e de muita fé. Mas é também uma pessoa invejada, temida e de múltiplos inimigos. Mas é um homem forte, difícil de vencer. É tudo o que nós, aposentados da Previ, precisamos. A sua responsabilidade , a partir do momento que compraste nossa briga, é inglória. O Sr. não está só. TAMOS JUNTOS.Lutamos por batalhas justas. Temos honra e a luz divina caminha deste lado. Somos de todos os lugares deste imenso Brasil - eu sou mineiro -, mas estamos convergindo toda nossa força e esperança que o sr. coordene a formação uma chapa forte nas eleições da Previ. Tenho-lhe tanta confiança que corroboro qualquer nome que indicar. Deus nos ilumine.

Anônimo disse...

Essa "divisão do bolo" antecipada, nos remeteria à Retirada de Patrocínio ?
Comenta-se que o Banco tem "direito" pela res 26 só a superávits, não a metade do patrimônio.
Procede?

Anônimo disse...

Mederão Cabra Olho de Águia,

Depois que puxaram a "capivara" do tal de Dan Escorado vi que a Previ é caso de polícia. Agora imagina do que é capaz um cabra que mete a mão na conta de clientes?
Socorro Protógenes! Tão batendo minha carteira!

Anônimo disse...

Eu não sabia que Menor Aprendiz era cargo de carreira no BB.

"O carioca Dan Conrado, de 47 anos, é funcionário de carreira do BB desde 1980, onde entrou como menor aprendiz. Bacharel em Direito, o executivo exerceu todos os cargos na hierarquia do Banco do Brasil, segundo nota da instituição financeira."

Se ele entrou em 1980 já está há 34 anos no BB.
Porisso está batalhando pela elevação do Teto.
Parabéns Dan Borrado. Vais ajudar a si mesmo, e outros privilegiados.

Antonio Carvalho disse...

Prezado Dr. Medeiros:
Sou leiro do seu blog. Vez por outra faço comentários. Hoje me cadastrei como seguidor. Somei aos mais de 500 já cadastrados.
A exemplo do que fez o Professor Ari, devemos ingressar com ações sim. Nada de nos intimidar com a afirmativa do Diretor Marcel feita no Senado: "As Associações são Escritórios de Advocacia travestidos de Associações".
Para publicação em seu blog, se desejar, repasso, abaixo, informações que recebi de um amigo e já publiquei no meu blog: http://www.ajccarvalho.blogspot.com.br
“A Defensoria Pública da União (DPU) prepara ação coletiva para pleitear a mudança do índice de correção do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Caso obtenha ganho de causa, a decisão se aplicará a todos que tinham saldo entre 1999 e 2013, sem a necessidade de novas ações.
Para se beneficiar de uma eventual vitória – o que não é garantido –, os interessados terão de se habilitar no processo, o que pode ser feito depois da decisão.
Quem já tiver pedido a correção individualmente e teve decisão desfavorável não será beneficiado. A ação será protocolada no Rio Grande do Sul, solicitando que o Fundo seja corrigido pela inflação e não pela Taxa Referencial (TR).
Conforme O POVO publicou no último dia 17 de janeiro, desde 1999, o saldo do FGTS está sendo corrigido pela Taxa Referencial (TR).
O índice é menor que a inflação, o que corrói o valor real dos recursos depositados no Fundo de Garantia. As ações na Justiça têm como objetivo repor as perdas acumuladas desde então.
Ações
Após vencer em cerca de 16 mil decisões, a Caixa Econômica Federal sofreu, somente neste mês de janeiro, as primeiras cinco derrotas no caso das ações que pedem a troca da TR como índice de correção das contas do FGTS. O banco disse que já foram ajuizadas 29.350 ações desse tipo e tem evitado comentar o assunto.”

Abraço,
Antonio J. CARVALHO

ARLINDO ROGACIANO ARAGAO DE MELO disse...

CAROS APOSENTADOS,
FINALMENTE, APÓS DEZ ANOS DA MINHA DENÚNCIA AO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL, O SR. DAN ANTONIO MARINHO CONRADO FOI INDICIADO POR CRIMES CONTRA O SISTEMA FINANCEIRO NACIONAL, POR GERIR FRAUDULENTAMENTE INSTITUIÇÃO FINANCEIRA.
PARA OS QUE SE INTERESSAREM, BASTA ACESSAR O SITE www.jfpb.jus.br DIGITAR PELO NOME DA PARTE E VISUALIZAR O INTEIRO TEOR DA DENÚNCIA.
MINHA LUTA ATUAL É FAZER COM QUE O M.P.F. PROMOVA A COMPETENTE AÇÃO CIVIL PÚBLICA.